Apple adota buscador do Google de vez

Google é buscador oficial da Apple no iOS 11.

Por | @oficinadanet Apple

A Apple ainda não possui uma ferramenta de busca própria, por essa razão optou por usar tanto o Microsoft Bing quanto o Google para permitir que os usuários possam fazer pesquisas dentro de seus ambientes virtuais. Agora, porém, com o iOS 11 e o MacOS High Sierra a situação está diferente.

Através de um comunicado enviado ao TechCrunch a Apple esclarece a razão de ter abandonado o Bing. A Microsoft também se manifestou sobre o tema. Confira:

“Mudar para o Google como o provedor da busca web para a Siri, busca dentro do iOS e Spotlight no Mac vai permitir que esses serviços tenham uma experiência consistente de pesquisa na internet, com o padrão no Safari. Nós temos uma forte relação com a Google e a Microsoft e permanecemos comprometidos em entregar aos usuários a melhor experiência possível”, diz a Apple.

Apple adota buscador do Google de vezApple adota buscador do Google de vez

 

Com isso, a Apple quer dizer que deseja um serviço de busca consistente ao padronizar o motor de pesquisa em todas as suas plataformas, e não mesclar as provedoras.

“Nós valorizamos a nossa relação com a Apple e estamos ansiosos em continuar a trabalhar com ela de várias formas, incluindo a busca de imagens via Bing na Siri, para oferecer a melhor experiência possível aos nossos clientes. Bing cresceu todos os anos desde o seu lançamento, agora estando presente em mais de um terço do volume de busca em PCs dos EUA, e continua a crescer ao redor do mundo. Ele também oferece experiência de buscas em vários outros parceiros, incluindo Yahoo (Verizon), AOL e Amazon, assim como nas habilidades bilingues do Twitter. Ao passo que progredimos, dado o nosso trabalho no avanço no campo de inteligência artificial, estamos confiantes que Bing estará na vanguarda para oferecer uma experiência de pesquisa mais inteligente aos nossos parceiros e consumidores”, diz a Microsoft.

A Microsoft, por sua vez, diz que continuará se empenhando para aumentar a sua participação de mercado, e que está presente em um terço no volume de buscas norte-americano, segundo a empresa.

Mais sobre: apple ios google
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo