Cometa Ison poderá ser visto a olho nu

A sonda da Nasa, Deep Impact, capturou imagens do cometa Ison, que irá iluminar o céu da Terra até o próximo ano

Por | @RafaelaPozzebon Ciência

A sonda da Nasa, Deep Impact, capturou imagens do cometa Ison, que irá iluminar o céu da Terra até o próximo ano. De acordo com os estudiosos, este é o “cometa do século”, devido o seu intenso brilho.

A sonda conseguiu as imagens do cometa entre os dias 17 e 18 de janeiro, quando ele ainda estava a cerca de 763 milhões de quilômetros do Sol. No mês de novembro o Ison deverá passar muito próximo ao Sol e os cientistas acreditam que ele poderá ser visto a olho nu nesta ocasião.

O cometa possui uma cauda formada de poeira e gases de aproximadamente 64 mil quilômetros. "Esta parece ser a primeira viagem deste cometa para dentro do Sistema Solar, e ele deve passar muito mais perto do Sol do que a maioria dos cometas", afirmou o cientista Tony Farnham, da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos.

"Por isso, nos oferece uma nova oportunidade de ver como a poeira e o gás congelados neste cometa desde o início de nosso Sistema Solar vão mudar e evoluir quando for muito aquecido durante sua primeira passagem perto do Sol."

Mais sobre: cometa, Ison, nasa
Share Tweet
DESTAQUES
Mais compartilhados
Comentários