Para pesquisadores, região polar sul da Lua pode conter gelo

De acordo com uma equipe de pesquisadores norte-americanos, a cratera Shackleton, na região extrema do lado sul da Lua, pode conter gelo, pelo menos foi o que declararam nesta quarta-feira a revista Nature

Por | @oficinadanet Ciência

De acordo com uma equipe de pesquisadores norte-americanos, a cratera Shackleton, na região extrema do lado sul da Lua, pode conter gelo, pelo menos foi o que declararam nesta quarta-feira a revista Nature.

De acordo com a geofísica Maria Zuber, a conclusão para essa informação é devido o grande brilho que é emitido nesta região, muito maior nas paredes da cratera do que no solo. Maria Zuber ainda conta que, “Descobrimos que o interior da cratera é mais brilhante do que em qualquer outro ponto sul da Lua, as paredes brilham muito mais do que o solo”.

Maria Zuber que é a chefe da equipe de cientistas do Massachusetts Institute of Technology declarou também que, o gelo poderia cobrir uma das partes do solo do interior da cratera. Para ela, a análise das ladeiras e da forma que estão às paredes da cratera, é um indicativo de que provavelmente as paredes brilham devido ao material que desliza por elas.

Maria ainda acredita que o solo possa conter até 20% de água. O estudo da equipe da geofísica revelou também que a cratera Shackleton, encontra-se em ótimo estado, apesar de seus mais de três bilhões de anos.

Para finalizar, a geofísica Maria Zuber, acrescentou dizendo que, “Às vezes pensamos em nosso satélite natural como um planeta morto, sem atividades, mas essa nossa descoberta mostra que no pólo sul da Lua acontece um transporte de massa causado pelo impacto de meteoritos próximos”, conclui.

Mais sobre: lua, pesquisa, nature
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.