Principais novidades no mundo de e-sports da quarta semana de julho

Nessa semana temos a possível volta do mibr, Luminosity com nova line brasileira, jogador sendo assaltado e desistindo da carreita e outras novidades. Confira as principais notícias sobre e-sports desta semana.

Por | @grasiel_grasel Games

O mundo dos e-sports não para e nós do Oficina da Net estamos mais uma semana trazendo suas principais novidades. Nesta semana temos declarações de ex-jogadores e organizadores do mibr sobre a volta da lendária equipe de Counter Strike, a LG com uma nova lineup de CS:GO brasileira, veterano de Dota 2 se aposentando depois de ser assaltado e esfaqueado, equipes que participarão da BGC e os campeões dos últimos campeonatos de CS:GO.

mibr estará voltando em breve e cogu não descarta participação

Depois das polemicas envolvendo a volta do time em abril, quando um evento para o retorno da mibr foi anunciada, mas que acabou não acontecendo, há meses os fãs da lendária equipe brasileira esperavam mais novidades, no entanto, só agora executivos da mibr voltaram a falar sobre o assunto.

Em declarações ao site MyCNB, Paulo Velloso, dono da marca e do time, afirmou que pretende voltar com uma lineup até o ano que vem, e também não descarta a volta de cogu. “2017 é uma boa previsão, mas ainda incerto. [...] O cogu continua sendo o melhor jogador que eu vi atuar até hoje. Acho que só o Element seria comparável. Quando tiver certeza dos rumos que o projeto tomará, não deixarei de contatá-lo e verificar em que ele pode contribuir. Ele ficou chateado pela insegurança. Foi um erro que não se repetirá".

Já cogu também considera possibilidades de voltar ao mibr se algum dia a equipe realmente tiver um retorno organizado. “Eu não quero falar um negócio, eu não quero falar 'não' e nem 'sim', eu não vou tratar disso. Caso aconteça (contato do mibr), vai ser um negócio conversado, mas com a organização", disse cogu, em entrevista ao MyCNB.

Principais novidades no mundo de e-sports da quarta semana de julho

Luminosity volta a ter time brasileiro de CS:GO ao contratar lineup da WinOut

Depois de perder sua lineup campeã mundial, hoje SK Gaming, a Luminosity Gaming adquiriu a equipe da WinOut, organização americana com equipe brasileira formada por ex-jogadores da g3nerationX e Keyd Stars. A nova contratação foi anunciada neste sábado (30) pela LG após a WinOut vencer dois campeonatos seguidos ao longo desta semana.

De acordo com o capitão da equipe, Bruno "bit" Lima, as equipes vinham negociando há duas semanas, mesmo antes da semana na qual os jogadores venceram dois campeonatos seguidos, os quais só ficaram sabendo da mudança depois dela já ter sido finalizada entre as organizações.

Os jogadores Bruno "bit" Lima, Gustavo "yeL" Knittel, Lucas "destiny" Bullo, Renato "nak" Nakano e Vinicios "PKL" Coelho estavam na WinOut desde maio deste ano. Os primeiros títulos conquistados pela equipe, que vinha evitando confrontos com equipes de tiers mais altos, foram vencidos em torneios online: a StarPrime CyborWars 2016, na terça-feira (26), e a Stream.me Gauntlet, na quinta (28).

Depois de assalto e ataque, veterano de Dota 2 se aposenta e vira treinador

Depois de sofrer um assalto e ser ferido a facadas, Eduardo "Dudu" Petrone anunciou estar deixando a sua carreira de jogador e passará a ser manager e coach da Innova, a saída foi anunciada pelo jogador no dia 11 de julho em sua página do facebook, e sua nova função no dia 25 de julho, na página da Innova.

Dudu começou sua carreira em 2010, e desde então passou por várias organizações muito importantes do Brasil, como a Insigy eSports, AceZone, paiN Gaming, Yakuz4 e INTZ, tendo sido parte também da organização peruana Artk Gaming.

De acordo com o jogador, a decisão já vinha sendo analisada a um certo tempo, pois a vontade de poder se dedicar à faculdade tornava-se cada vez mais forte, e depois do assalto o jogador teve a certeza de que sua carreira havia terminado. Dudu ainda informou que está fazendo tratamento com uma psicóloga para poder lidar com o trauma. "Eu não fiquei tão limitado. Foi uma força maior para eu parar de jogar. Foi um susto", tranquilizou. "Com ou sem facada eu já ia parar", reforçou. Dudu disse que já está recuperado dos ferimentos no braço.

Equipes participantes da Brasil Game Cup de CS:GO são definidas

As oito equipes que participarão da Brasil Game Cup (BGC) de Counter Strike: Global Offensive foram definidas na semana passada, e assim como esperado, a g3x, considerada a melhor equipe de CS:GO jogando hoje no Brasil, foi descartada do evento.

De acordo com a organização da BGS, a equipe de Dota 2 da g3x teve uma “conduta irregular”, a qual ninguém sabe ao certo qual foi, mas que também acabou afetando a lineup de CS:GO da organização. Algumas informações apontam que o descarte veio pela existência de uma regra que não permite que equipes que organizem campeonatos (como a g3x cup) façam parte da BGC.

As oito equipes estarão disputando séries de MD1 (melhor de um mapa)  na fase de grupos online. As duas melhores equipes de cada grupo disputarão as finais em lan durante a Brasil Game Show deste ano, nos dias 2 e 4 de setembro, com transmissão ao vivo no YouTube, na Azubu e na Twitch.

Confira os grupos:

Grupo A

CNB e-Sports Club
INTZ
Remo Brave
StrongCore Gaming

Grupo B

Dai Dai Gaming
FamiliaRei$
LDDM e-Sports
teamONE

 

Principais novidades no mundo de e-sports da quarta semana de julho

Equipes vencedoras da ESL Premier League de LoL, Hearthstone e CS:GO são definidas

A primeira decisão de da Premiere League foi no jogo League of Legends, no dia 29, quando a equipe Carregadores de Mascote (CDM) venceu a FlipSide por 2 a 0. Os jogadores Luis "Deoxys" Gustavo (Top), Bruno "Sessh" Alexandre (Selva), Alaor "Tomate" Leão (Mid), Jonathan "mascot" Paiva (Carry) e Wilton "Nemo" Guedes (Suporte) receberam R$ 10 mil pelo título e mais R$5 mil pelo primeiro lugar na fase de grupos do campeonato.

Já no dia 30 as disputas definiram o campeão de Hearthstone, no qual o jogador Lucas "Rase" Guerra ganhou o título na primeira temporada da ESL Brasil Premier League do game ao derrotar Lucas “Neves” Figueredo por 3 a 2. Rase levou para casa a premiação de R$3.000, enquanto Neves recebou R$1.500 pelo segundo lugar.

A última definição dos campeões da ESL Brasil Premier League foi no game Counter Strike: Global Offensive, que aconteceu neste sábado (30) e sagrou a lineup da g3x como vencedora. A equipe campeã venceu todos os 26 mapas por eles disputados e seus jogadores Vito "Kng" Giuseppe, Rafael "Pava" Pavanelli, Lucas "steel" Lopes, Michel "mch" D'Oliveira e Caike "caike" Costa levaram para casa o montante de R$ 10 mil.

Principais novidades no mundo de e-sports da quarta semana de julho

Virtus.pro volta a vencer e é a primeira campeã da ELEAGUE

Com muitas polêmicas envolvendo brasileiros, o primeiro campeonato promovido pela rede de televisão norte-americana Turner em parceria com a agência WME | IMG, a ELEAGUE, teve seus campeões definidos neste sábado (30). Os poloneses da Virtus.pro venceram a fnatic por 2 a 0 e conquistaram o prêmio de US$390.000, a fnatic levou para casa os US$140.000 previstos para o segundo lugar.

A Virtus.pro se classificou para a fase eliminatória ao conquistar o segundo lugar em sua chave, acabou caindo na repescagem depois de perder para a Team EnVyUs e voltou aos playoffs vencendo a Gambit Gaming e a Renegades, ambas por 2 mapas a 0. A VP garantiu seu merecido título de campeã depois vencer todos mapas que disputou nos playoffs, derrotando a Ninjas in Pyjamas, a mousesports e a fnatic, mostrando também que ainda é uma das melhores equipes do mundo.

A segunda temporada da ELEAGUE já foi confirmada pela Turner, e dessa vez a equipe brasileira SK Gaming poderá disputar as finais, pois, nesta temporada, os brasileiros foram desclassificados por descumprirem uma regra ao trocarem de organização durante o evento, a qual é exclusiva da ELEAGUE, pois jamais foi adotada até mesmo em majors.

Estas foram as notícias sobre e-sports em destaque nesta semana, caso você queira ver mais novidades sobres esportes eletrônicos como estas, deixe o seu comentário com dicas e críticas no campo de comentários abaixo!

Mais sobre: esports, especiale-sports, e-destaques
Share Tweet
Mais compartilhados
Comentários