CEO da Apple assume que alto preço do iPhone pode ter prejudicado nas vendas

No último trimestre, as vendas de iPhones diminuíram 16% e o aparelho está perdendo espaço para o Android em praticamente todo o mundo.

Por | @oficinadanet Smartphones

Os iPhones, como bem sabemos, são objetos de desejo de muita gente. Porém, a ideia de adquirir um modelo pode ser desfeita em razão dos seus altos valores. Após registrar uma queda nas vendas dos seus aparelhos, Tim Cook, CEO da companhia da Maçã, assumiu que o valor pode ser alto demais e ter atrapalhado nas vendas.

Em uma entrevista recente, Cook foi questionado sobre o valor do aparelho, que custa em média US$ 600 nos Estados Unidos, e se ele realmente vale esse preço.

CEO da Apple assume que alto preço do iPhone pode ter prejudicado nas vendas
Preços de iPhones podem estar altos demais. Tim Cook, CEO da Maçã, considera baixar os valores para aumentar vendas. Nos Estados Unidos, o aparelho sai em média por US$ 600.

Leia também:

No último trimestre, as vendas de iPhones diminuíram 16% e o aparelho está perdendo espaço para o Android em praticamente todo o mundo. Especialistas da área acreditam que as vendas devem continuar caindo ao longo desse ano.

De acordo com Cook, o iPhone pode estar custando muito na Índia, por isso, considera diminuir o preço. “Eu reconheço que os preços estão altos. Nós queremos fazer coisas que baixem isso (o preço) ao longo do tempo para o degrau que conseguirmos”.

“Eu quero o consumidor da Índia seja capaz de comprar a um preço que se pareça com o preço dos Estados Unidos. Esse é o meu objetivo. E eu quero que o usuário tenha a experiência de ter todos os serviços”, afirmou Cook.

A empresa sempre teve como objetivo oferecer um produto de excelente qualidade sem competir com preços. Isso resulta na sua grande margem de lucro. 

Mais sobre: iphone apple android
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Destaquesver tudo