O que é energia cinética?

No nosso dia a dia nos deparamos com inúmeros momentos em que o conceito de energia está envolvido. Por exemplo, ao ligarmos um equipamento na nossa casa estamos usando energia elétrica, um carro usa energia fornecida do combustível para movimentar-se, entre outras atividades.

Por | @RafaelaPozzebon Ciência

Mesmo que a energia esteja envolvida em todo o nosso cotidiano a sua definição não é tão simples assim, já que não podemos pegá-la ou mesmo vê-la. Na Física, a definição mais simples e também usada é que energia é a capacidade de realizar algum trabalho.

A energia pode ser de vários tipos: energia potencial elétrica, energia potencial elástica, energia química, energia mecânica, energia cinética, entre outras. Neste material iremos conhecer um pouco mais sobre a energia cinética.

Energia e o seu uso

A humanidade sempre utilizou a energia para obter uma condição mais favorável em sua vida, tendo assim, maior conforto e facilidade no trabalho. Com a energia elétrica, por exemplo, foi possível ter vários aparelhos, incluindo a televisão, a geladeira, e outros tantos equipamentos úteis no dia a dia, bem como que auxiliadores na fabricação de outros materiais.

Leia também: 

Energia cinética

A energia cinética é a forma de energia que está relacionada ao movimento de um corpo. A energia cinética é um tipo de energia mecânica, que tem como característica principal a energia adquirida através de um corpo por estar em movimento. Tal energia está diretamente ligada ao movimento, e também a massa do corpo.

O que difere a fórmula da energia cinética é que a velocidade é sempre trabalhada ao quadrado (V2). Isso significa que o objeto em movimento ganha energia cinética, e em consequência da sua velocidade, a energia cresce mais rápido.

Além da energia cinética estar diretamente ligada à velocidade, a massa do corpo também é proporcional à força cinética. Assim sendo, entre dois objetos da mesma velocidade, o mais pesado é o que possui mais energia cinética. Confira a fórmula da energia cinética:

Ec = ½ . m . V2

Ec = Energia Cinética

m = Massa em Kg

V = Km/h

A energia cinética e a energia mecânica possuem uma ligação, além disso, existe ligação com o trabalho. Vale notar que trabalho é uma energia obtida através do uso da força em um determinado trajeto. Sendo assim, qualquer movimentação é um trabalho. Empurrar algum objeto é um trabalho, e assim, o objeto empurrado ganha energia cinética ao longo de seu deslocamento.

Energia cinética na prática

Nem sempre é fácil imaginar a energia cinética na prática, propriamente dita. Então, nada melhor que exemplificar de modo simples o seu real funcionamento.

Vamos imaginar uma partida de futebol, em que os jogadores chutam na bola com grande velocidade. Assim, um chute dado na bola faz com que ela tenha uma movimentação de 100 Km/h, e com isso uma energia cinética quatro vezes maior que a mesma bola se fosse lançada a uma velocidade de 50 Km/h.

O que é energia cinética?

Em outro exemplo de energia cinética podemos constatar nos acidentes de carro. Quando acontece um acidente em que a causa é a alta velocidade, na batida em alta velocidade em que a uma massa considerável, o carro adquire muita energia cinética. Porém, se o carro bater contra um muro, essa energia cinética acaba sendo dissipada em forma de barulho, calor e outras formas de energia. Neste caso vale o caso em que "na natureza nada se perde, tudo se transforma".

O que é energia cinética?

Vamos agora pensar em uma montanha-russa. Quem já andou no brinquedo, ou mesmo já viu uma em ação, sabe que a montanha-russa oferece vários movimentos aos frequentadores. Porém, pensando na Física, o brinquedo está sempre se convertendo de energia potencial para energia cinética. No topo da montanha-russa, a energia potencial está no seu máximo. Ao descer, a energia potencial é convertida em energia cinética, e o trem acelera. Na base da colina, a energia cinética está no seu máximo, e a energia potencial no mínimo. 

Gostou da explicação? Deixe seu comentário para um apurado feedback. Até a próxima.

Mais sobre: energia, cinetica, fisica
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários