Rádios FM estão com os dias contados na Noruega

Com o avanço da tecnologia e com a era digital, a Noruega decidiu tomar uma decisão bastante complicada para muitos países, principalmente para o Brasil.

Por | @oficinadanet Tecnologia

Estou falando a respeito do sinal de FM - que muitas rádios espalhadas mundo afora utilizam. De acordo com o governo da Noruega, o país já conta com 22 estações nacionais de rádio digital e ainda possui um espaço para mais 20, no mesmo país, segundo informações da BBC, da Inglaterra, restam apenas cinco estações nacionais de rádio FM. Assim sendo, o governo tomou a difícil decisão de encerrar com as transmissões deste sinal a partir de janeiro de 2017, uma vez que na sua última reforma da mídia aprovou em seu Parlamento em 2011 um programa de digitalização da rádio e segundo o mesmo, em 2017 a transição para emissões em formato digital estará completa.

Thorhild Widvey, Ministra norueguesa da Cultura e líder no processo de democratização da comunicação, afirmou no site do governo o seguinte: "A digitalização do rádio irá abrir a porta para um número muito maior de canais de rádio, beneficiando ainda mais os nossos ouvintes, deixando-a mais diversificada e pluralista, pois permitirá que nossos ouvintes tenham uma qualidade de som e novas funcionalidades".

Ainda em relação a essa decisão, a ministra explica que atualmente existem cinco canais nacionais com o sistema FM, em contrapartida, a Noruega já possui 22 emissoras de rádio que transmitem em sinal digital DAB (Digital Audio Broadcasting): "A Noruega conta com capacidade para 42 estações no sistema digital, sendo que mais da metade da população possui acesso a rádios locais através desse novo sistema, existindo ainda um potencial considerável para mais canais desta modalidade".

Rádios FM estão com os dias contados na Noruega

Com o encerramento das rádios com sinal FM, abrirá novas oportunidades ao governo local, pois o mesmo pretende usar esse espaço (sinal FM) para outro uso, bem como o da internet para dispositivos móveis. Vale salientar que além da Noruega, outros países da Europa e do sul da Ásia também estão estudando uma transição para o sistema digital.

Para alguns analistas, este momento de desligamento do sinal FM na Noruega será um momento de apreensão para a indústria de rádio global. "Espero que os noruegueses tenham feito o suficiente para reter a audiência e para garantir que aqueles que não tenham feito à transição para o digital o façam o quanto antes, pois quem escuta rádio pode decidir, em vez disso, passará a ouvir sua coleção de músicas ou serviços de streaming. Se a mudança prejudicar a audiência, pode ser que outros países fiquem menos dispostos a desligarem seus sinais de FM e AM", disse James Cridland.

Mais sobre: Tecnologia Digital Rádios
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo