O Android foi criado para ser aberto e não seguro, diz diretor

Mais de 90% dos malwares estão concentrados em aparelhos Android, apontam pesquisas.

Por | @RafaelaPozzebon Smartphones

O Android, líder no segmento de sistemas operacionais, possui algumas vantagens em relação aos seus concorrentes, como personalização e abertura, no entanto, no quesito segurança, ele acaba deixando a desejar. O chefe da divisão responsável pelo sistema do Google, Sundar Pichai, é sabedor disso, porém, ele ameniza o fato.

Pichai declarou durante a Mobile World Congress, em Barcelona, que a grande popularidade do Android acaba pesando muito na distribuição de malware. Vale notar que pesquisas recentes apontam que mais de 90% dos vírus para celulares estão concentrados em aparelhos com o sistema operacional do Google.

O Android foi criado para ser aberto e não seguro, diz diretor

Leia também:

"Quando as pessoas falam nesse número, elas devem levar em consideração que é o sistema operacional móvel mais popular do mundo. Se eu tivesse uma empresa dedicada a malware, eu estaria direcionando meus ataques ao Android", afirma Pichai ao ser questionado sobre o assunto.

"Nós não podemos garantir que o Android foi criado para ser seguro; o formato foi criado para dar mais liberdade", completou o executivo.

Mais sobre: android, seguro, iphone
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.