Tributos representam 63% do preço do Playstation 4 no Brasil

O presidente da Sony Sul-Americana utiliza blog oficial do PlayStation para se manifestar oficialmente sobre o valor absurdo do console aqui no país.

Por | @marciobohrer Games

Sim, você já deve estar sabendo do preço abusivo do PS4 em nosso país. A notícia está correndo por todo o mundo, afinal o videogame da Sony gerou extrema expectativa dos usuários brasileiros quando foi apresentado. Entretanto, o preço anunciado para o aparelho deixou a todos atônitos e desapontados.

A notícia espantou a todos, ainda mais porque o maior concorrente da Sony, o Xbox One, chega ao Brasil por um valor alto de R$ 2.200. Em comparação com os valores norte-americanos, o console da Microsoft é quase US$ 100 mais caro, porém no Brasil, esta comparação passa dos limites; o PS4 está custando quase dois Xbox One.

Foi então que Mark Stanley, Presidente da Sony Latino-americana, resolveu se manifestar em defesa da empresa, explicando através de uma imagem o porquê do preço abusivo do videogame no Brasil. O post no blog oficial da Playstation foi simples e esclarecedor, nele Mark diz ter recebido e lido centenas de comentários sobre a frustração dos consumidores brasileiros. Ele diz também:

Queremos enfatizar que não é de interesse da Sony Computer Entreteinment America vender o PS4 com um alto valor de varejo, uma vez que não é bom para os nossos consumidores, e não é bom para a marca PlayStation"

Mark também comenta que quer manter o histórico de diálogo aberto e honesto com a nação PlayStation no Brasil. E como forma de mostrar a transparência entre a empresa e o consumidor, Mark fez questão de divulgar uma imagem que explica cada centavo do valor cobrado pelo videogame.

Tributos representam 63% do preço do Playstation 4 no Brasil
Foto: Blog Playstation

Na imagem podemos ver claramente que dos quase 4 mil reais, 63% deste valor se dá por impostos de importação, ICMS estadual, IPI, PIS e COFINS. Ou seja, só com os valores de impostos, o PS4 já teria um custo de R$ 2.524. É um verdadeiro absurdo. Além dos impostos, o valor representando 22% do preço, que é destinado ao setor varejista (R$ 875).

Mark faz questão de dizer que está lutando para que os órgãos governamentais reduzam os valores tributários para que todo consumidor tenha condições de adquirir um Playstation 4. Lembrou ainda que o PlayStation 3 já é fabricado no país, o que diminui consideravelmente o valor cobrado pelo produto.

E você está convencido agora? Deixe o seu comentário.

Mais sobre: PS4, playstation, Sony
Share Tweet
DESTAQUESMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.