Satélite que monitorava oceanos é desativado

Responsável por monitorar oceanos, o satélite Jason-1 sofre falha e é desativado.

Por | @RafaelaPozzebon Tecnologia

Na quarta-feira (3), o satélite Jason-1, responsável por monitorar o aumento do nível do mar por mais de dez anos, teve uma falha e desde então não conseguiu mais realizar as transmissões de dados.

O satélite foi desenvolvido em uma parceria entre os Estados Unidos e França, ele foi lançado em 2001. Jason-1 foi responsável por monitorar a superfície dos oceanos por anos, fazendo medições exatas da altura das ondas e também das mudanças ocorridas nos oceanos.

De acordo com os cientistas, o satélite teve papel fundamental no controle das condições climáticas e também sobre o El Niño.

A Agência Espacial Americana, Nasa, informou que o satélite irá ficar sem bateria nos próximos 90 dias. Ele deverá ficar em órbita ao menos por mais mil anos antes de cair sobre algum lugar do planeta.

Agora, o satélite Jason-2 ficará responsável por recolher dados. De acordo com os cientistas, ele está em perfeito estado.

Em março de 2015, outro satélite da série deverá será lançado, o Jason-3.

Mais sobre: satélite, Jason-1, oceanos
Share Tweet
DESTAQUESMais compartilhados
Comentários
Continue lendo