É difícil imaginar a atual vida moderna sem dispositivos eletrônicos. Smartphones, tablets, impressoras, notebooks... enfim, vários destes equipamentos podem estar presentes em sua casa. Todos esses dispositivos têm seus próprios usos e, portanto, cada um funciona de maneira única. No entanto, há algo em comum entre a maioria desses dispositivos. Estamos falando de cabos. E aqui vamos detalhar mais o que é e para que serve o cabo USB tipo B.

Cabos USB

Os cabos USB (Universal Serial Bus) são onipresentes nas nossas vidas. Quase todos os dispositivos eletrônicos requerem um componente especial (um cabo USB), seja para a conexão com outros dispositivos eletrônicos, seja para o próprio carregamento, no caso de dispositivos sem fio.

À medida que a tecnologia e os dispositivos avançam e evoluem continuamente, o mesmo ocorre com os dispositivos periféricos correspondentes. A mesma tendência de atualização tecnológica é observada nos cabos USB. Aqui vamos analisar o USB tipo B, quais suas atribuições e como o diferenciar do UBS tipo A ou tipo C.

Tipos de cabos USB

Para entender completamente o USB Tipo B, devemos primeiro entender as várias versões do padrão USB. O tipo USB refere-se ao formato físico e à fiação das portas e plugues, enquanto a versão indica a velocidade e a funcionalidade do sistema de interconexão completo.

USB Tipo A e Tipo C

O que é e para que serve o cabo USB tipo B?

Com uma forma plana e retangular, o USB Tipo A foi o design original para o primeiro padrão USB. As portas tipo A geralmente estão em dispositivos host, como computadores desktop, laptops, consoles de jogos, teclados, mouses, pen drives e players de mídia; é raro os dispositivos periféricos usarem uma porta Tipo A.

Já o USB Tipo C é mais recente, e você o encontrará na maioria dos dispositivos novos. Ele oferece taxas de transferência de dados mais rápidas que as versões USB anteriores. A maior vantagem do USB-C é que é reversível e pode ser conectado de ambos os lados. Por esse motivo ele é o novo padrão para dispositivos móveis.

Versões de Cabo USB

O que é e para que serve o cabo USB tipo B?

As versões do USB incluem 1.1, 2.0, 3.0 e 3.1. O USB 1.1 foi a primeira versão USB lançada em 1998 e tem uma velocidade máxima de 12Mbps. Em muitos casos, o USB 1.1 funciona apenas a 1,2 Mbps e se tornou amplamente obsoleto.

Lançado em 2000, o USB 2.0 tem uma velocidade máxima de 480 Mbps no modo Hi-Speed, ou 12Mbps. É compatível com versões anteriores do USB 1.1 e tem uma potência máxima de saída de 2,5 V (1,8 A).

O USB 3.0 foi lançado em 2008 e possui uma velocidade máxima de 5 Gbps no modo SuperSpeed ​​e geralmente é azul. É compatível com versões anteriores do USB 2.0 e pode fornecer até 5 V (1,8 A) de energia.

A versão mais recente do USB é 3.1, que foi lançada em 2013 e dobra a velocidade de 10 Gbps, tornando-a tão rápida quanto o padrão Thunderbolt original. É compatível com versões anteriores com USB 3.0 e USB 2.0. O USB 3.1 possui três perfis de energia e permite que dispositivos maiores consumam energia do host: até 2 A a 5 V (para um consumo de energia de até 10 W) e até 5 A a 12 V (60 W) ou 20 V (100 W).

O que é o USB Tipo B?

O que é e para que serve o cabo USB tipo B?

Os conectores USB Tipo B, oficialmente chamados de conectores Standard-B, têm formato quadrado, com cantos externos chanfrados nas extremidades superiores, dependendo da versão USB.

Esses conectores tipo B são suportados em todas as versões USB, incluindo USB 3.0, USB 2.0 e USB 1.1. O segundo tipo de conector "B", chamado Powered-B, existe apenas na versão USB 3.0.

Os conectores USB 3.0 tipo B geralmente são da cor azul, enquanto os conectores USB 2.0 tipo B e USB 1.1 tipo B geralmente são pretos. Entretanto os conectores e cabos USB Tipo B podem ser de qualquer cor. Um conector USB tipo B macho é chamado de plugue, enquanto um conector fêmea é chamado de receptáculo ou porta.

Os plugues USB tipo B são normalmente encontrados em uma extremidade de um cabo USB A / B. O plugue USB tipo B se encaixa no receptáculo USB tipo B da impressora ou em outro dispositivo, enquanto o plugue USB tipo A se encaixa no receptáculo USB tipo A localizado no dispositivo host, como um computador.

Usos do cabo USB tipo B

Os cabos USB tipo B são mais comuns em dispositivos maiores, como impressoras e scanners. Às vezes, você também encontrará portas USB tipo B em dispositivos de armazenamento externo, como unidades ópticas, unidades de disquete e gabinetes de disco rígido.

Como os dispositivos periféricos têm várias formas e tamanhos, o conector Tipo-B e sua porta complementar também apresentam diversos designs. Atualmente, existem cinco modelos predominantes para os plugues e conectores do USB Tipo B, incluindo o original Standard-B, o Mini-B, o Micro-B USB, o Micro-B USB 3.0 e o Standard-B USB 3.0.

O que é e para que serve o cabo USB tipo B?

O design Standard-B é usado para conectar grandes dispositivos periféricos, como impressoras ou scanners, a um computador e foi desenvolvido para o USB 1.1. As portas Mini-B, bem menores, são encontradas em dispositivos portáteis mais antigos, como câmeras digitais e unidades portáteis mais antigas, e estão se tornando obsoletas.

O Micro-B USB é um pouco menor que o Mini, e é o design de porta USB mais difundido para smartphones e tablets atualmente. Já o Micro-USB 3.0 é o design mais amplo e é usado principalmente para unidades portáteis USB 3.0; normalmente com uma extremidade Tipo A de cabo é azul. Semelhante ao Standard-B, o Standard-B USB 3.0 foi projetado para lidar com a velocidade de administração 3.0.