Hideo Kojima ganha seu primeiro "Cologne Creative Award" no Festival de Cinema de Colônia

Faltando algumas semanas para a estreia de Death Stranding no Playstation 4, tivemos uma boa surpresa. Hideo Kojima, criador da icônica série Metal Gear, ganhou um prêmio no Festival de Cinema de Colônia. Confira!

Por Games Pular para comentários
Hideo Kojima ganha seu primeiro

Faltando algumas semanas para a estreia de Death Stranding no Playstation 4, tivemos uma boa surpresa, que só demonstra o quanto o desenvolvedor de jogos é apreciado até hoje não só pela comunidade de jogadores e crítica especializada, mas até pela indústria do cinema. Ontem, Hideo Kojima, criador da icônica série Metal Gear, ganhou no Festival de Cinema de Colônia seu primeiro Cologne Creative Award ("Prêmio de Criatividade de Colônia").

Não é surpresa que ele tenha ganhado tal prêmio, pois seus jogos vão muito além de gráficos e cenas de ação. Afinal de contas Kojima já criou um novo gênero de jogo em Metal Gear e agora, segundo ele, está criando outro gênero com Death Stranding, apresentando uma ótica nova de se jogar.

Hideo Kojima com o prêmio de Cologne Creative Award em sua mão. Fonte: Hideo Kojima (Twitter) Hideo Kojima com o prêmio de "Cologne Creative Award" em sua mão. Fonte: Hideo Kojima (Twitter)

Em Death Stranding, de acordo com Kojima, o tema central é "Conexão", onde ao longo do jogo ele tentará passar essa mensagem para quem for jogá-lo. Uma das ideias que ele teve para demonstrar isso, foi a questão da mensagem que uma pessoa pode passar através de determinadas ações. Antigamente, por exemplo, um soldado escrevia uma carta com os dizeres "Não sei quando vou morrer" e demorava meses para ela chegar à pessoa querida, e quando esta pessoa a recebe, ela pensa "ele pode estar morto". Ao pensar isso, ela começa a imaginar o que o soldado estava pensando quando escreveu a mensagem, entretanto, como atualmente tudo o que fazemos é em tempo real, Kojima teve que adaptar para passar essa sensação de conexão.

Através do multiplayer assíncrono, a ideia de Kojima é fazer com que o jogador pense ao encontrar um copo em determinado lugar "Essa pessoa o colocou deliberadamente lá? Ela apenas teve que jogar fora a carga?". Então, você começa a pensar sobre as intenções das pessoas ao deixar objetos pelo caminho, podendo causar um sentimento de um ajudar o outro ou pensando em quais outros motivos que poderiam ter levado aquilo que ela está vendo no momento. Kojima queria trazer essa falta de instantaneidade utilizando seu jogo, tirando o imediatismo das pessoas. Por vezes somos muito diretos em nossas comunicações, querendo as respostas em tempo real sobre o que vemos, e não paramos para pensar sobre o que estamos falando, o que isso causará, o que houve de fato quando ocorreu tal acontecimento. Em Death Stranding, Kojima consegue passar isso, pois não tem como você perguntar para alguém o que houve ali.

Prêmio recebido por Hideo Kojima. Fonte: Hideo Kojima (Twitter) Prêmio recebido por Hideo Kojima. Fonte: Hideo Kojima (Twitter)

Essa ideia por trás de Death Stranding, provavelmente foi o que fez com que ele ganhasse o Cologne Creative Award. O que você acha? Comente abaixo e compartilhe conosco a sua opinião!

Fonte: Twitter

Compartilhe com seus amigos:
Comentários:
Carregar comentários