Blizzard está usando as redes sociais para encontrar jogadores tóxicos de Overwatch

Blizzard está estudando maneiras para penalizar os jogadores tóxicos que já receberam banimento temporário, mas que não melhoraram seu comportamento.

Por | @fsbeling Games

Recentemente, a Blizzard anunciou que vai utilizar as redes sociais a fim de encontrar jogadores tóxicos de Overwatch, game de tiros em primeira pessoa. O diretor do jogo, Jeff Kaplan, revelou em uma nova atualização de desenvolvimento que a Blizzard começou a “procurar por incidentes com comportamento tóxico”.

Kaplan citou diretamente o YouTube como a rede social em que está procurando por estes usuários e diz que a Blizzard está tomando algumas atitudes perante estes jogadores “antes mesmo que eles sejam reportados", informou.

Leia também:

Além disso, o diretor do jogo também revelou três novidades que foram implementadas em Overwatch com o objetivo de combater a toxicidade, as quais dizem respeito a permissão de jogadores de consoles para reportarem pessoas, a possibilidade de notificar jogadores quando o usuário que foi reportado é banido e também sobre avisos para usuários que já foram reportados.

De acordo com Kaplan, desde que foram implementadas essas medidas, as conversas abusivas no chat tiveram uma queda de 17% e um aumento de 20% em reportes de jogadores. Além disso, a Blizard também está buscando uma maneira de penalizar os jogadores que não melhoraram o seu comportamento após o banimento temporário.

Segundo o diretor, um caso de setembro de 2017, poderia ter sido banido de forma permanente do cenário competitivo, caso tivesse recebido banimentos, em temporadas anteriores.

MAIS SOBRE Overwatch games jogos
SHARE
+ em Overwatch
    + vistos em Games