Hideo Kojima deve fazer um anúncio que vai surpreender ainda mais os fãs de Death Stranding

Criador do game revela mais alguns detalhes e diz que o desenvolvimento de Death Stranding está indo muito bem.

Por Games Pular para comentários
Hideo Kojima deve fazer um anúncio que vai surpreender ainda mais os fãs de Death Stranding

Durante uma entrevista à Dengeki Playstation, o criador do game, Hideo Kojima, falou sobre o que ele mesmo espera para o game em 2018 e também sobre o andamento dos trabalhos do estúdio.

Kojima ressaltou "O desenvolvimento de Death Stranding está correndo tão bem que a SIE nos disse: 'nunca antes vimos um jogo ser criado num ritmo tão rápido".

Além disso, o criador também informou "estamos planejando um anúncio que vai surpreender ainda mais em 2018", com isso, os jogadores ficam ainda mais curiosos e ansiosos sobre a nova trama e sobre as novidades que devem ser apresentadas no jogo.

Há algumas semanas atrás foi divulgado o primeiro trailer de Death Stranding, o "The Game Awards 2017", em que o próprio Kojima revelou alguns detalhes e descrições das cenas.

Confira abaixo as explicações de Kojima sobre algumas cenas.

A vida e a Morte

Primeiramente, ele começa falando sobre a morte dentro dos games "Quando o jogador morre, é game over [...] Isso foi uma mecânica feita especialmente para os jogadores colocarem moedas nas máquinas", segue dizendo "Um dos temas deste jogo é vida e morte. Então eu quero que as pessoas percebam que quando elas morrem no jogo, não será o fim".

Podemos visualizar claramente este ponto, quando no final do ultimo trailer revelado, vemos o clarão da explosão, quando ele então morre após a criatura gigante explodir, quando Sam está submerso em um oceano de cabeça para baixo. De acordo com Kojima, todas as vezes que o jogador morre no game é para lá que ele vai. Ele explica "Naquele ponto, você não está vivo nem morto. É o equivalente a tela que diz 'continue?' e um cronômetro que chega no zero".

Desta forma será possível coletar itens e objetos enquanto vaga fora do corpo, ou seja, neste mundo invertido, o mundo aquático estará totalmente aberto. Ainda segundo Kojima o game poderá ser bem diferente de um jogador para outro.

"Como você viu no trailer, havia uma cratera e quando você voltou, ela ainda estava lá. A maioria dos jogos o levaria para antes de essa cratera ser feita. Então, dependendo do jogador, você pode ter muitas crateras espalhadas pelo lugar, depende de cada jogador."

A chuva e o Tempo

Outro ponto que ele destaca diz respeito a chuva do planeta, nos locais em que os personagens estão distribuídos e se pode ver a vegetação crescendo enquanto caem as gotas de chuva, ao mesmo tempo em que um homem com uma perna presa começa a envelhecer rapidamente. Segundo Kojima, isso acontece porque a chuva não é nativa do local onde os personagens se encontram, o fenômeno se chama Timefall. Ele revelou inclusive que Sam possui uma ligação especial com ela, porém não deu mais detalhes.

"A maioria das pessoas no jogo sabem da chuva - e, bem, Norman é bem único neste sentido...Acho que devo parar por aqui. Estou falando demais". 

Bebês e Robôs

Já no primeiro trailer foi possível notar que os bebês teriam uma relação significativa na trama do jogo. Agora, Kojima, informou o porquê "o bebê tem relação com as mecânicas do jogo assim como a história", com isso, podemos confirmar que os bebês assim como os robôs contam com alguma conexão direta, pois ao segurar uma barriga simulada o braço de Sam ganha vida.

Lançamento 

Embora, Kojima tenha dado diversos detalhes sobre o game, até agora, não possui uma data definida para sua estreia, mas já sabemos que estará disponível para PC e PS4. Para deixar todos ainda mais ansiosos, Kojima informou que "o game será em mundo aberto com elementos online".

Compartilhe com seus amigos:
Comentários:
Carregar comentários