Atletas brasileiros abrem processo por causa do Fifa

O advogado da associação diz ainda que pretendem processar também a Konami.

Por | @oficinadanet Games

O Sindicato de Atletas de São Paulo abriu processo contra a EA Sports por uso indevido de imagem de vários jogadores da Franquia Fifa desde 2014. De acordo com informações, a ação solicita valor mínimo de 50 milhões de indenização.

O advogado que representa os atletas, Leonardo Laporta, disse que o valor solicitado serviria para cobrir os danos morais e materiais. Ele disse que ocorreu uma usurpação da imagem de vários jogadores.

Atletas brasileiros abrem processo por causa do Fifa.Atletas brasileiros abrem processo por causa do Fifa.

Leia também:

O processo em questão envolve mais de 4 mil aparições, em vários contextos e mesmo que as feições não são fielmente reproduzidas, a possibilidade é prevista no Artigo 87 da Lei Pelé, que tem como objetivo a proteção de nome, imagem, apelido e alcunha.

A EA, no entanto, teria conseguido licença de imagem somente dos clubes, por isso precisaria ter negociado de forma separada com cada jogador. Essa mesma situação acontece, por exemplo, nos álbuns de figurinhas.

Caso a iniciativa parte do clube, o contrato de concessão de imagem já assinado pelos jogadores é válido, porém, se a ideia chega através de outras empresas, é preciso negociar com cada atleta.

O advogado da associação diz ainda que pretendem processar também a Konami, que é a responsável pela franquia “Pro Evolution Soccer” e pelo antigo “Winning Eleven”.

Mais sobre: game fifa
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Destaquesver tudo