A exemplo do Tinder, Facebook lança namoro pelo aplicativo no Brasil

O Facebook anunciou terça-feira desta semana a chegada do recurso Dating ao Brasil. Essa ferramenta visa ser uma alternativa ao app Tinder. Ele só vai aparecer de maneira opcional para usuários maiores de 18 anos que se declarem solteiros na rede social.

Por | @Vitor_Valeri Facebook Pular para comentários

O Facebook anunciou terça-feira desta semana a chegada do recurso Dating ao Brasil. Essa ferramenta visa ser uma alternativa ao app Tinder. Outros 13 países estão recebendo esse recurso também.

O Facebook Dating só vai aparecer de maneira opcional para usuários maiores de 18 anos que se declaram solteiros na rede social. Para criar um perfil no Dating, você deve abrir o aplicativo do Facebook para iOS ou Android, tocar no botão Mais e encontrar o símbolo de coração. As únicas informações do seu perfil principal que são levadas ao Dating são seu primeiro nome, idade e localização. O perfil não é vinculado diretamente à rede social, e seus amigos não terão acesso ao seu perfil do Dating. Pessoas de fora do Dating também não podem ver quem está dentro.

O usuário pode escolher fotos do seu perfil original para o perfil do Dating, assim como imagens que tenham sido compartilhadas através do Instagram. Você irá inserir também informações como profissão, educação, religião, altura, gênero, orientação sexual e se tem filhos ou não. Além disso você terá que escolher suas preferências de relacionamento: isso engloba seu gênero e o gênero que você está procurando; há as opções “mulher”, “homem”, “homem trans”, “mulher trans” e “não-binário”.

Facebook DatingFacebook Dating

Feito isso, você encontrará perfis de usuários com interesses semelhantes ao seu. O Facebook limita a lista de pretendentes a pessoas localizadas num raio de 100 quilômetros a partir de onde você está. A rede social diz que é para impedir que as pessoas fiquem de "webnamoro", flertando apenas pela internet, e para que elas saiam de casa e encontrem-se pessoalmente com seus pretendentes. Para começar uma conversa, toque no botão “Tenho interesse” e envie uma mensagem. Esse chat é aberto apenas dentro do Facebook Dating e não aparece no Messenger, com suas outras conversas da rede social. Se a pessoa não responder, você não pode mandar outra mensagem. Se ela responder, é sinal que houve interesse. "Deu match", no jargão de quem usa Tinder.

O chat permite apenas texto e emojis. Não é permitido encaminhar fotos ou vídeos.

Além disso, por padrão, são mostrados perfis que têm amigos em comum ou interesses em comum - interesses que o Facebook coleta a partir do seu perfil, como as páginas e posts que você curtiu, por exemplo. É possível, manualmente, configurar o app para mostrar somente pessoas completamente estranhas, sem amigos em comum, se o usuário preferir.

Pessoas que são suas amigas no Facebook não aparecem no Dating, mesmo que elas também estejam na plataforma. A rede social diz que faz isso porque uma das principais preocupações de usuários é: "meus amigos e minha família vão ver que estou aqui?". A resposta é não. A empresa também acredita que, se duas pessoas já são amigas no Facebook, elas não precisam de um app de namoro para se conhecer melhor. O recurso de Crush Secreto, no entanto, visa ajudar a aproximar duas pessoas que já se conhecem por meio da rede social. Neste recurso complementar, você seleciona até nove contatos nos quais tem interesse. Se um deles adicionar você à lista de crushes secretos, rola o match. Caso contrário, ninguém vai saber.

Mais sobre: Facebook, Dating, Tinder