Zuckerberg comenta sobre o uso de notícias pagas na rede social

Testes começarão a ser feitos neste ano. Ainda não se sabe quando a novidade será implantada oficialmente.

Por | @oficinadanet Facebook

Há um mês, surgiu a notícia de que o Facebook passaria a adotar o uso de notícias pagas na rede social. Porém, agora, o assunto foi comentado por Mark Zuckerberg, CEO da companhia.

Através de um post publicado ainda na quarta-feira (23), Zuckerberg disse que a empresa irá começar a testar “novas formas de ajudar organizações de mídia a crescer suas assinaturas”.

Zuckerberg quer implementar paywall no FacebookZuckerberg quer implementar paywall no Facebook

Queremos um produto por assinatura – queremos poder ver um paywall no Facebook“Uma das coisas que ouvimos (...) de muitos jornais e publicações digitais é: ‘Queremos um produto por assinatura – queremos poder ver um paywall no Facebook”, disse o post. "E isso é algo que estamos fazendo agora", continuou. "Estamos lançando um produto de assinatura."

“Como parte disto, vamos testar novas formas de ajudar as organizações de notícias a aumentar as suas assinaturas. Se as pessoas se subscreverem depois de ver histórias de notícias no Facebook, o dinheiro vai diretamente para editores que trabalham duro para descobrir a verdade, e o Facebook não aceita um corte. Estamos a planear começar com um pequeno grupo de editores americanos e europeus este ano e vamos ouvir os seus comentários”, diz ainda o post.

Zuckerberg diz que os posts serão abertos até o final do ano com um grupo pequeno que envolve veículos americanos e europeus. Ainda não há um prazo para a expansão do serviço. Porém, o CEO da rede social diz que utilizará este período de testes para coletar opiniões.

Mais sobre: Facebook markzuckerberg internet
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail

  • Preencha para confirmar