TIC no sistema educativo

Por | @DanielPaulinoS Internet

Para uma eficaz integração das TIC no sistema educativo, além de uma adequada formação de professores, terá de haver uma transformação da atitude dos professores. Esta transformação vai exigir que os docentes reconheçam que as novas gerações têm outras formas de aprendizagem, baseadas em estruturas não lineares, completamente diferentes da estrutura sequencial em que assentam os saberes livrescos tradicionais. Para que as NTIC possam ser usadas com eficácia no ensino, o professor deverá, mais do que nunca, assumir um papel activo no processo de preparação, planificação e  gestão dos contextos de ensino e de aprendizagem. Ter salas de aula equipadas com computadores não chega (felizmente ...). É imprescindível que o professor seja capaz de guiar os alunos na procura, recolha, selecção e gestão da informação, quase infinita, que se encontra disponível em rede. É um facto incontornável que a maioria dos alunos associa os computadores quase exclusivamente à sua componente lúdica. Torna-se, portanto, um desafio e uma tarefa suplementar, levar os alunos a associar o computador a uma nova função que é, explorando por sua própria iniciativa e/ou incentivados por tarefas propostas pelo professor, aprender. A integração das NTIC na sala de aula  não é, por si só, garantia de eficácia pedagógica. Esta deve ser paulatinamente construída através de uma pedagogia activa, centrada no aluno, promovendo a sua autonomia e incrementando a criatividade. “Se é verdade que nenhuma tecnologia poderá jamais transformar a realidade do sistema educativo, as tecnologias de informação e comunicação trazem dentro de si uma nova possibilidade: a de poder confiar realmente a todos os alunos a responsabilidade das suas aprendizagens (Carrier, 1998)”. Cabe ao professor preparar-se para esta nova realidade sob pena de, irreparavelmente, deixar-se ultrapassar relativamente à forma, ao modo e à qualidade com que os novos contextos de aprendizagem deverão ser edificados.



Autor: João Montes


Mais sobre: ead, tic
Share Tweet
DESTAQUESRecomendado
Mais compartilhados
Comentários