Pesquisador desenvolve dispositivo capaz de renovar baterias velhas

A novidade acabou despertando o interesse de grandes empresas como a Panasonic, Samsung e Apple.

Por | @oficinadanet Apple

Com o passar do tempo, as baterias de Íon-Lítion acabam perdendo a sua capacidade de armazenamento. Isso faz com que as cargas demorem mais e duram cada vez menos tempo.

Isso fez com que a Apple decidisse por diminuir o desempenho de iPhones mais antigos, usando a desculpa de prevenir desligamentos inesperados e também possíveis danos aos componentes internos dos aparelhos.

Pesquisador desenvolve dispositivo capaz de renovar baterias velhas.Pesquisador desenvolve dispositivo capaz de renovar baterias velhas.

A novidade da vez é que um pesquisador da Universidade de Singapura promete resolver o problema que atinge não somente os donos de smartphones, mas também de outros aparelhos que usam baterias.

O responsável pela solução é Rachid Yazami, que desenvolveu um aparato que possui a capacidade de devolver até 95% da capacidade original das baterias de Íon-Lítio. A invenção soma um eletrodo aos dois polos das baterias que consegue absorver os íons de lítio residuais que acabam sendo responsáveis pelo baixo rendimento que acontece com o passar do tempo.

Rachid diz ainda que para obter um resultado maior é preciso uma sessão de 10 horas com a invenção. A novidade, que foi exibida na International Battery Seminar acabou despertando o interesse de grandes empresas como a Panasonic, Samsung e Apple.

O recurso parece realmente bom, vamos aguardar por novas informações.

MAIS SOBRE baterias apple ion
SHARE
+ em Baterias
Comentários