CADASTRE-SE

15 Categoria: Artigos » Gerência

Analise de Risco em projetos

Por Luciano Costa
Data:

Os riscos nos projetos são EVENTOS ou CONDIÇÕES incertas que se ocorrerem provocam algum tipo de dano ao nosso trabalho. No entanto precisamos conviver com eles e nos preparamos para quando alguns deles ocorrer.

Salve galera, neste artigo falarei sobre analise de risco em projetos, fase esta que julgo importantíssima para o sucesso do que estamos projetando. A análise de risco segundo PMBOK 4° edição, está dentro do planejamento e do monitoramento e controle e correspondendo aos itens 11.1, 11.2, 11.3, 11.4 e 11.5 e 11.6 (vide imagem abaixo) e deve ser executada sempre após o fechamento do escopo e da listagem de tarefas do projeto.

http://www.oficinadanet.com.br//imagens/coluna/3439//blur.png


Entendendo analise de risco:

Para começar a entender riscos, é importante pensar em umas das leis de Murphi:
“Qualquer coisa que possa dar errado, vai dar errado”.

Confira nosso curso: Instalação e Gerência de lojas virtuais com Opencart

Os riscos nos projetos são EVENTOS ou CONDIÇÕES incertas que se ocorrerem provocam algum tipo de dano ao nosso trabalho. No entanto precisamos conviver com eles e nos preparamos para quando alguns deles ocorrer. De uma coisa você Gerente de projeto ou coordenador de equipe que lê este artigo pode ter certeza, o risco vem atrelado a qualquer execução, seja ela de baixo ou de grande criticidade.

Processo do gerenciamento de risco:

  • Planejamento do Gerenciamento de risco
  • Identificação dos riscos
  • Analise qualitativa dos riscos
  • Analise quantitativa dos riscos
  • Planejamento de respostas aos riscos (plano de ação)
  • Monitoramento e controle dos riscos

Tão importante quanto identificar um risco de projeto é classifica-lo, e para isso usamos a seguinte técnica.

P - Probabilidade do Risco
A chance da ocorrência do risco. Usamos P+ para a grande probabilidade e P- para uma baixa possibilidade.

I - Impacto do risco
O efeito que os riscos podem causar. Usamos I+ para impacto alto e I- para impacto baixo.

Sugiro a criação de uma tabela contendo estas informações, onde a mesma é preenchida e atualizada de acordo com o andamento do projeto.

http://www.oficinadanet.com.br//imagens/coluna/3439/tabela.png


OBSERVAÇÕES IMPORTANTES:

  1. Sempre que mapearmos um risco o ideal é traçar um plano para solucionar tal problema
  2. Muitos riscos não são apresentados ao cliente, pois dizem respeito a sua gerencia.
  3. Analise de risco não é mais uma tarefa, é o momento de identificar possíveis problemas e estar preparado para “surpresas”.
  4. Seja sempre pessimista, procure o problema, as vezes ele esta escondido em uma etapa que não parece ter problemas.

Amigos era isto, espero que seja útil a alguém e em caso de duvidas é só comentar que repondo a todas!

Grande Abraço

Leia a seguir: A importância da informática na empresa nos tempos de hoje



Recomendados para você
Ainda restam dúvidas? Pergunte aqui em nosso fórum
Mais de Gerência



Comentários:

TOPO