Segundo astrônomos a Via Láctea pode ter 17 bilhões de Terras

Um estudo realizado por astrônomos do Centro para Astrofísica Harvard-Smithsonian e por outro grupo de cientistas das universidades da California, Berkeley e Havaí, todas dos Estados Unidos divulgou que existem cerca de 17 bilhões de planetas de tamanho semelhantes ao da Terra na Via Láctea.

Por Ciência Pular para comentários
Segundo astrônomos a Via Láctea pode ter 17 bilhões de Terras

Um estudo realizado por astrônomos do Centro para Astrofísica Harvard-Smithsonian e por outro grupo de cientistas das universidades da California, Berkeley e Havaí, todas dos Estados Unidos divulgou que existem cerca de 17 bilhões de planetas de tamanho semelhantes ao da Terra na Via Láctea.

O grupo da parceria Harvard-Smithsonian estima que uma em cada seis estrelas tem um planeta do tamanho da Terra orbitando-a. Já os pesquisadores da outra equipe afirmam que 17% das estrelas hospedariam planetas com tamanho igual ou até duas vezes maior que a Terra.

A equipe responsável pelo Kepler também anunciou 461 novos candidatos a planetas, elevando a 2.740 o número total de planetas já identificados. Desde seu lançamento, em 2009, o telescópio Kepler vem observando uma parte fixa do céu, captando mais de 150 mil estrelas em seu campo de visão. Ele detecta a diminuta redução na luz que chega de uma estrela quando um planeta passa em frente a ele, no que é chamado trânsito.

Os pesquisadores sonham em encontrar um planeta gêmeo à Terra, no entanto, para cumprir tais requisitos é necessário não apenas ter um tamanho semelhante, mas estar localizado em uma área da Via Láctea que não seja tão quente ou tão fria e possa existir água no estado líquido. 

Leia também: Problemas para se concentrar? Conheça a técnica Pomodoro e sua extensão para Google Chrome. Acompanhe as últimas notícias de tecnologia aqui no Oficina da Net. Sempre trazendo conteúdos novos e produtos interessantes.

Compartilhe com seus amigos:
Comentários:
Carregar comentários