Principais novidades no mundo de e-sports na terceira semana de agosto

Mudanças históricas de lineups, limitação de treinadores, investidores polêmicos em grandes equipes de CS:GO e outras notícias do mundo de e-sports

Por | @grasiel_grasel Games

Nesta semana, o CS:GO é novamente destaque, afinal, o fechamento de sites de apostas novamente virou assunto com a descoberta de investidores donos de times importantes do cenário competitivo, a fnatic realizando uma troca de jogadores histórica com a GODSENT e recriando parte da equipe lendária campeã do primeiro major do game, a Valve colocando a posição de coach em cheque, as equipes semifinalistas da BGC e a presença de uma equipe feminina brasileira em um dos maiores campeonatos do mundo.

Fnatic e GODSENT realizam troca de jogadores histórica

Depois de negociações entre as duas organizações, fnatic e GODSENT fecharam uma das trocas de jogadores mais ambiciosas da história do CS:GO, reunindo parte da equipe campeã do primeiro major do jogo. Ainda não é certo se as mudanças afetarão classificações em campeonatos.

Em um comunicado oficial, a fnatic explicou os motivos para as mudanças e disse que elas foram necessárias para que a organização voltasse a crescer, incluindo o entrosamento de seus jogadores, que já não era mais o mesmo devido a problemas internos, o que provavelmente quer dizer que um dos motivos seja desentendimentos.

A GODSENT, que agora conta com quatro nomes da equipe campeã do primeiro major do jogo, Markus "pronax" Wallsten, Andreas "znajder" Lindberg, Jesper "JW" Wecksell e Robin "flusha" Rönnquist, tendo como quinto player o ex-fnatic, Freddy "KRIMZ" Johansson. A atual fnatic agora fica com Olof "olofmeister" Kajbjer, Dennis "dennis" Edman, John "wenton" Eriksson, Simon "twist" Eliasson e Jonas "Lekr0" Olofsson.

Valve limita treinadores e coloca posição em cheque

Com mudança prevista para valer a partir da ESL One New York, em outubro deste ano, a Valve anunciou uma nova regra que limita a participação de treinadores durante partidas competitivas de Counter Strike: Global Offensive. A mudança pretende eliminar treinadores in-game líderes, os quais a desenvolvedora considera como um sexto jogador. Um bom exemplo de treinador e líder em jogo é Luis "peacemaker" Tadeu, brasileiro que atua pela equipe norte-americana da Team Liquid.

A partir de agora, os coachs, que antes podiam participar da partida o tempo todo dando calls, opiniões e dicas para suas equipes, só terão permissão para conversar com seus jogadores no aquecimento, em trocas de lado e também nas novas “pausas táticas”, que poderão ser de até quatro por partida, de 30 segundos cada.

Muitos jogadores e treinadores se manifestaram contrários à mudança, afirmando que a Valve pode estar acabando com uma das funções mais importantes do competitivo de CS:GO, a qual passará a ser praticamente inútil ou pouco rentável para as equipes.

Site de apostas é revelado como principal acionista da SK Gaming

Como já noticiamos anteriormente aqui no Oficina da Net, o cerco da Valve sobre sites de aposta de seus jogos está se fechando cada vez mais, e com isto, os principais responsáveis por estes endereços acabam sendo expostos. Um dos nomes, e maior acionista do CSGO Lounge, foi revelado como a ESforce Holding, proprietária da Virtus.pro.

A Esforce Holding pertence à USM Holdings, companhia do bilionário russo Alisher Usmanov, atual 73º homem mais rico do mundo de acordo com a revista Forbes, conhecido no mundo esportivo como o dono do clube de futebol inglês Arsenal. Usmanov é proprietário dos direitos de mídia da equipe Natus Vincere, uma empresa organizadora de torneios, um serviço de revenda de skins e 180 sites populares sobre e-sports, sendo que no ano passado anunciou estar investindo US$100 milhões na VP.

Ainda nesta semana, o mesmo jornalista que descobriu o envolvimento dos investidores do CS:GO Lounge com a VP, Thiemo Bräutigam, acabou encontrando registros de que a ESforce tornou-se também a acionista majoritária da SK Gaming, atual melhor equipe do mundo, desde junho deste ano. A comunidade mundial de CS:GO divide opiniões sobre o assunto, gerando dúvidas sobre a possibilidade de conflitos de interesse entre tantas empresas do cenário com o mesmo investidor.

Principais novidades no mundo de e-sports na terceira semana de agosto

Semifinalistas da BGC de CS:GO são definidos

Os grandes times a jogarem as semifinais da Brasil Game Cup (BGC) foram finalmente definidos depois de finalizada a fase de grupos online da competição. Os dois primeiros colocados de cada uma das duas chaves estão passando para a fase em lan, que acontecerá durante a Brasil Game Show (BGS) em setembro.

No grupo A, a CNB se classificou em primeiro lugar ao derrotar a INTZ (16 a 11 no mapa Cache) e a Remo Brave (22 a 20 no mapa Mirage), que se classificou em segundo lugar. Os blumers sequer precisaram jogar contra a StrongCore para garantir a classificação. A Remo Brave garantiu sua classificação ao derrotar a INTZ por 16 a 12 na Cobblestone no duelo final pela segunda vaga.

Já no grupo B, a teamONE garantiu a primeira colocação ao vencer seus dois primeiros confrontos, o primeiro contra a paiN Gaming (16 a 13 no mapa Train) e o segundo contra a Dai Dai Gaming (16 a 2 na Cobblestone). O segundo lugar ficou com a paiN, ex-lineup da AlienTech.BR, que derrotou a Dai Dai (16 a 5 na Mirage) na disputa direta pela vaga.

Principais novidades no mundo de e-sports na terceira semana de agosto

Equipe feminina brasileira é convidada para a ESWC

A Esports World Convention (ESWC), antes chamada de Electronic Sports World Cup, anunciou a participação de três equipes femininas em seu próximo campeonato exclusivo para mulheres, que acontecerá em Outubro, durante a Paris Games Week, e dentre elas está a brasileira More Than You.

A equipe brasileira, formada por Claudia "santininha" Santini, Jessica "fly" Pellegrini, Camila "cAmyy" Natale, Gabriela "gabs" Freindorfer e Diana "mittens" Trevisan, foi convidada juntamente com as equipes da CLG Red e a Secret fe. As outras vagas serão disputadas em quatro etapas classificatórias, sendo três na Europa e uma na América do Norte. O oitavo time será da França, o qual será escolhido em breve.

No ano passado, o torneio feminino da ESWC, que foi disputado em Montreal, no Canadá, contou com a participação da Dexterity, que na época contava com santininha, fly e cAmyy, no entanto, a equipe brasileira sequer passou da fase de grupos.

Principais novidades no mundo de e-sports na terceira semana de agosto

Estas foram as notícias sobre e-sports em destaque nesta semana, caso você queira ver mais novidades sobres esportes eletrônicos como estas, deixe o seu comentário com dicas e críticas no campo de comentários abaixo!

Mais sobre: esports, especiale-sports, e-destaques
Share Tweet
Mais compartilhados
Comentários