Astrônomos divulgam imagem de supernova desaparecendo

Nesta quarta-feira (20), astrônomos divulgaram a imagem de uma supernova, próxima a Via Láctea, que está em declínio

Por | @RafaelaPozzebon Ciência

Nesta quarta-feira (20), astrônomos divulgaram a imagem de uma supernova, próxima a Via Láctea, que está em declínio. Os astrônomos estudam o fenômeno desde 1999, ao qual está situada na galáxia espiral NGC 1637. A galáxia está localizada a 35 milhões de anos-luz da Terra, na constelação do Rio Erídano.

Em 1999 foi registrado o aparecimento de uma supernova brilhante, nomeada como SN 1999em. Supernova é nome usado para designar a morte ofuscante de estrelas e tem a capacidade de brilhar mais que a radiação combinada de bilhões de outras estrelas.

Os astrônomos, através do Very Large Telescope do Observatório Europeu do Sul (ESO), conseguiram capturar muitas imagens da supernova na galáxia NGC 1637. Após a incidência da explosão, o brilho da supernova tem sido monitorada pelos cientistas, ao qual registram o lento declínio ao longo dos anos.

Na imagem é possível ver uma estrutura em espiral, com forma distinta e traços azulados de estrelas jovens, nuvens de gás brilhante e também camadas de poeira obscurante. Os astrônomos denominam tal galáxia como espiral irregular, ou seja, o braço em espiral mais aberto, em cima do lado esquerdo, ao qual está estendendo-se em torno do núcleo a uma distancia relativamente maior do que o braço mais curto, assim, parecendo ter sido cotado ao meio.

Mais sobre: galáxia, supernova, galáxia
Share Tweet
DESTAQUES
Mais compartilhados
Comentários