Procurando vida em outros planetas: o sinal Wow!

Todos estamos mais do que familiarizados com extraterrestres em filmes e livros, mas será que eles realmente existem? Sem provas concretas, cabe a cada um escolher sua própria resposta para essa pergunta, todavia apresentarei aqui o que nós, terráqueos, estamos fazendo para encontrar vida em outros planetas.

Por | @oficinadanet Ciência

Todos estamos mais do que familiarizados com extraterrestres em filmes e livros, mas será que eles realmente existem? Sem provas concretas, cabe a cada um escolher sua própria resposta para essa pergunta, todavia apresentarei aqui o que nós, terráqueos, estamos fazendo para encontrar vida em outros planetas.

Quando o assunto é a busca por vida fora da Terra, o instituto SETI não está de brincadeira. SETI que significa Search for Extra-Terrestrial Intelligence ou em português Busca por inteligência extraterreste , é sem dúvida o maior grupo de cientistas focados em encontrar vida fora do sistema solar. O projeto SETI utiliza métodos cientificamente aceitos em sua busca por outras civilizações.

Na posse de enormes radiotelescópios interligados em uma rede mundial, o projeto SETI busca por ondas de rádio, não naturais, produzidas em planetas distantes. A procura por ondas de rádio se justifica no fato de que nós, humanos, lançamos diariamente grandes quantidades de informação na forma de ondas de rádio, provenientes de emissões de TV e rádio. Essas transmissões poderiam, facilmente, ser captadas por uma civilização com um grau de tecnologia semelhante ou superior ao nosso. E o contrário também é verdade, nós podemos, facilmente, captar qualquer tipo frequência de rádio, natural ou não, que passe por nosso planeta.

Mesmo passando muitas noites em claro, os cientistas do SETI ainda não encontraram um sinal de rádio que foi, definitivamente, criado por seres inteligentes. Apesar dessa tremenda frustração, os cientistas permanecem incansáveis em sua busca, que mesmo não sendo conclusiva, gerou resultados intrigantes.

Em 1977, Jerry R. Ehman, enquanto trabalhava no SETI detectou uma onda de rádio emitida fora do sistema solar, que era diferente de todas as outras. Jerry ficou tão espantado que, enquanto o computador imprimia os dados das ondas de rádio recebidas, apanhou uma caneta e escreveu ao lado do sinal: Wow! – nome com o qual a mensagem ficou conhecida. O sinal Wow! foi uma onda de rádio não natural emitida na constelação de Sagitário, mais precisamente pelo grupo de estrelas conhecido como Chi-Sagitário. Este grupo possui três sistemas estelares chamados de &¹ Sagittarii (sistema binário), &² Sagittarii e &³ Sagittarii.

Procurando vida em outros planetas: o sinal Wow!


Inúmeras buscas pelo mesmo sinal foram feitas, porém os resultados foram inexistentes uma vez que o sinal jamais foi captado novamente. Os céticos à ideia de vida fora da Terra afirmam que o sinal jamais foi encontrado novamente pois, na verdade, ele nunca existiu, seria apenas um defeito do equipamento ou uma anomalia desconhecida. Enquanto isso, os que acreditam afirmam que o sinal, apesar de só ter sido detectado apenas uma vez, é importante demais para ser simplesmente deixado de lado.

Cético ou crédulo, não importa, a busca por civilizações extraterrestres continua e, quem sabe, em pouco tempo saberemos, enfim, se estamos sozinhos ou não.

Mais sobre: sinal wow nasa seti
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo