CADASTRE-SE

O que é A-GPS?

156 Comente abaixo Redação (@oficinadanet)

GPS assistido (A-GPS) é uma versão aprimorada de GPS. A-GPS recebe dados de suporte através de uma conexão de dados (por exemplo, GPRS ou 3G), ajudando seu aparelho a calcular as coordenadas da sua posição atual quando recebe informações de satélites.

GPS assistido (A-GPS) é uma versão aprimorada de GPS. A-GPS recebe dados de suporte através de uma conexão de dados (por exemplo, GPRS ou 3G), ajudando seu aparelho a calcular as coordenadas da sua posição atual quando recebe informações de satélites.

"Standalone" ou "Autonomous" GPS é uma operação que usa sinais de rádio de satélites sozinho. O A-GPS, adicionalmente, utiliza recursos de rede para localizar e utilizar os satélites em condições de sinal fraco. Em condições de sinal muito fraco, por exemplo, em uma cidade, estes sinais podem sofrer propagação multipath onde os sinais entre edifícios, pode ser enfraquecida passando por condições atmosféricas, paredes ou cobertura vegetal.

Veja também: Como é o funcionamento do GPS

Quais são os benefícios de A-GPS?

A-GPS foi desenvolvido para localizar satélites com mais rapidez e confiabilidade, o que significa mais estabilidade na sua experiência GPS. A-GPS reduz o tempo que um aparelho com GPS leva para localizar a sua posição atual, conhecido como Tempo de Localização Inicial (TTFF) na maior parte do mundo. O sistema de A-GPS é mais útil em áreas urbanas, onde você pode passar por "desfiladeiros urbanos" ou dentro de um carro em movimento. A-GPS melhora a experiência do usuário para todos os aplicativos que usam o GPS integrado.

Existem custos extras para usar o A-GPS?

Consulte sua Operadora para saber quais serão os custos cobrados pela transferência de dados sobre a rede celular. Lembre-se de que os custos podem ser mais altos em roaming.

Diferenças entre GPS e A-GPS

 Sempre que ligamos nosso GPS, imediatamente ele começa a buscar satélites disponíveis para auxiliá-lo na navegação. Encontrado o primeiro, o aparelho recebe informações sobre a localização dos outros satélites e inicia a roteirização. Este processo costuma demorar alguns minutos, já que a conexão GPS-satélite não é muito rápida.

Com o GPS assistido (A-GPS) a conexão inicial não é feita diretamente com o satélite, mas sim com uma antena de telefonia celular que previamente armazenou a localização destes satélites e as transmite para o GPS com uma velocidade até 40 vezes maior. Este recurso só é possível em aparelhos com conexão GPRS, recurso mais comum em celulares com função GPS do que em aparelhos GPS puros, e tem preço estipulado pelas operadoras de telefonia móvel.

http://www.oficinadanet.com.br//imagens/coluna/1185/a-gps.jpg



Além do tempo de inicialização, o A-GPS também usa o ‘apoio’ da antena quando o sinal GPS está fraco, ajudando a manter o sinal estável até mesmo em regiões cercadas por edifícios muito altos. E se você está em uma área que não há cobertura de celular? Neste caso seu aparelho funcionará normalmente, mas como um GPS convencional.

Naturalmente, o A-GPS não é perfeito e está sujeito a bugs e erros diversos, o que, combinado com o uso do tráfego de dados, faz com que alguns optem por desativar o recurso. Entretanto, na maioria dos casos o saldo é bastante positivo, já que o A-GPS torna a utilização do GPS bem mais imediata, evitando que você precise ficar esperando vários minutos pela conexão dos satélites.



Recomendamos:
 
Comentários:



TOPO