Dono de Galaxy Note sofre queimaduras após explosão no próprio bolso

Um coreano de 55 anos, morador de Icheon, no interior da Coréia do Sul, foi a mais recente vítima da explosão de uma bateria de smartphone

Por | @RafaelaPozzebon Tecnologia

Um coreano de 55 anos, morador de Icheon, no interior da Coréia do Sul, foi a mais recente vítima da explosão de uma bateria de smartphone. O homem carregava em seu bolso um Galaxy Note, juntamente com uma bateria extra. O coreano sofreu queimaduras de segundo grau  na coxa direita a explosão.

A Samsung não recebeu uma queixa oficial sobre o acontecimento, mas já se manifestou sobre o aso. Conforme a companhia sul-coreana, tal acidente não é tão raro de acontecer, já que, de acordo com a situação climática do local, uma bateria pode sim explodir.

“Baterias de íon de lítio podem pegar fogo devido a pressão externa ou mudanças abruptas de temperatura, mas ainda estamos tentando verificar o que realmente pode ter acontecido.", afirma a Samsung na declaração.

Vale lembrar que este não é o primeiro caso de explosão de bateria. No ano passado, na Coréia, um Samsung Galaxy S2 também explodiu no bolso de um usuário, o que acarretou em queimaduras graves. Além do dono do aparelho, uma criança que estava próxima também se feriu.

 

Mais sobre: galaxy note, bateria, explodiu
Share Tweet
DESTAQUESRecomendado
Mais compartilhados
Comentários