Mark Zuckerberg continua insistindo no mercado chinês. Depois de sua última visita ao país asiático no final do ano passado, Mark está com suas malas quase prontas para retornar a China e lá analisar uma melhor forma de conseguir entrar no país.

Informações prestadas pela agência de notícias Reuters, dão conta de que Mark tentará mais uma vez liberar a entrada de sua rede social, naquele país. A China conta com uma das maiores populações cibernautas do mundo e um dos poucos países que não liberaram a inclusão da rede social Facebook.

Segundo Sheryl Sandberg, a chefe de operações oficiais da empresa Facebook, comentou durante um evento realizado pela Reuters que, "A nossa missão é muito clara, queremos ligar o mundo inteiro... é impossível pensar em ligar o mundo inteiro agora sem também incluir a China", completa Sheryl.

Sheryl ainda comentou que a nova viagem de Mark a China ainda não está definida, mas que deverá ser ainda esse ano e segundo ela, "Não sabemos exatamente o que irá fazer, mas o compromisso é muito importante, além de tudo, Mark gosta muito de empreendedores tecnológicos" disse Sheryl Sandberg