CADASTRE-SE

Como funciona uma TV 3D?

5 3 30 2 Rafaela Pozzebon (@RafaelaPozzebon)
Assunto: TV Digital |

A televisão já sofreu inúmeras mudanças ao longo dos anos e, cada vez mais, vem surpreendendo o público. Não sei vocês, mas eu me lembro de ter tido uma TV preto e branco em casa e, imagino que não somente eu, mas muitos de vocês também tiveram a oportunidade de apreciar as imagens em um tom sombrio.

A televisão já sofreu inúmeras mudanças ao longo dos anos e, cada vez mais, vem surpreendendo o público. Não sei vocês, mas eu me lembro de ter tido uma TV preto e branco em casa e, imagino que não somente eu, mas muitos de vocês também tiveram a oportunidade de apreciar as imagens em um tom sombrio. Pois bem, o saudosismo acabou, chegamos na era da televisão em terceira dimensão ou apenas, 3D.

Leia também:




Sabemos que a visão em 3D já surgiu a um bom tempo, como nos cinemas, por exemplo. No entanto, parece que agora as TVs realmente emplacaram nas vendas e estão cada vez mais chegando aos lares. O fato do aumento de comercialização deve-se primeiramente a baixa dos custos, pois as primeiras a serem lançadas, tinham valores incompatíveis com o bolso da maioria das pessoas. Agora que a TV 3D é uma realidade, muitos ainda ficam se questionando como é o real funcionamento da tecnologia empregada, pois bem, a explicação não é tão complicada.


Como funciona a TV 3D?


As telas em 3D funcionam mostrando para cada olho uma imagem diferente, obviamente com muita sutileza, isto cria a ilusão de que a pessoa está vendo algo de mais de um ângulo, ou mesmo, as imagens parecem muito perto de você. Para tanto, para conseguir ver a imagem em 3D, é necessário fazer uso de um óculos especial, assim, as TVs 3D atuais só funcionam combinando um par de óculos, chamados de óculos “active shutter” com uma televisão que possui um emissor infravermelho. Assim, quando a TV exibe um vídeo 3D, ela alterna a exibição entre uma imagem para o olho esquerdo e a outra para o direito, deste modo o seu emissor infravermelho escolhe quando os óculos devem escurecer a lente esquerda ou quando escurecer a lente direita, isso sempre em sincronia com a TV, deste modo é criada a ilusão de 3D.

http://www.oficinadanet.com.br//imagens/coluna/3139/tv3d.jpg

Podemos dizer seguramente que a terceira dimensão não existe, é apenas uma ilusão na mente das pessoas. O que realmente acontece é a projeção de duas imagens, da mesma cena, em pontos de observação ligeiramente diferentes. O cérebro do telespectador automaticamente junta as duas imagens em apenas uma e, assim, a ilusão de visão em 3D. Uma questão bastante notória é o fato de muitas pessoas com a dúvida se a TV 3D pode causar algum problema de saúde. De acordo com pesquisas, o 3D pode sim fazer mal, mas os riscos são bem pequenos se o seu uso for controlado. No entanto, é preciso ter cuidado para não utilizar de maneira prolongada os óculos especiais, mas lembre-se, se usado da maneira correta e sem exageros, os riscos são bem reduzidos.


O que o óculos faz?


A tecnologia 3D requer que o usuário utilize óculos especificamente criados para esse fim, então o primeiro fator é usar o óculos próprio para cada TV, pois cada fabricante possui um modelo próprio. Como vimos, os óculos fazem com que cérebro transforme a ilusão criada na tela em 3D.


É prejudicial a saúde?


Quem nunca escutou que olhar TV demais estraga os olhos, pois é, não estavam erradas nossas mães. Do mesmo modo que qualquer atividade que force os olhos, o 3D deve ser assistido com moderação, pois os olhos costumam fazer mais força para assistir em 3D do que para ver conteúdo normal. Deste modo, é necessário um descanso aos seus olhos depois de ver um bom filme, seja no cinema ou mesmo em casa. Assim, sair da frente da TV e ir para um computador não é recomendável.

Algumas pessoas já relataram crises forte de enxaqueca após terem assistido a uma programação em 3D. De acordo com especialistas, o caso pode sim acontecer, mas isso deve-se também a fatores de pré-disposição da pessoa em ter dores de cabeça e enxaqueca. Outras pessoas também relataram náuseas e vertigens após o uso prolongado de óculos para assistir a tecnologia 3D. Este fato não é impossível já que, a nossa visão está acostumada com os parâmetros normais e, em decorrência da ilusão de ótica sofrida, pode ser que o organismo reaja de uma forma distinta.

Uma curiosidade, nem todas as pessoas podem ver TV 3D, entre 4% e 10% da população não consegue enxergar imagens 3D, não há um motivo aparente para isso, no entanto, acontece. Quem já comprou um aparelho em 3D deve ter lido as orientações, segundo as fabricantes, TV e filmes em 3D não são indicados para crianças, bêbados, idosos e grávidas, e assistir a conteúdo 3D pode realmente causar desorientação.


Leia a seguir: Internet TV e seus benefícios



Você precisa ler isto:

Comentários

TOPO