O que significa as letras E, G, H, H+, 3G , 4G e 5G na conexão com internet móvel

Quando você utiliza a internet do seu smartphone já deve ter percebido a presença dos sinais “E”, "G", "H", "H+", "3G" e "4G" ou do lado da barra de sinais do aparelho, certo?

Por Smartphones 13 comentários

Caso tenha ficado curioso ao ver as letras, mas não teve tempo de pesquisar, saiba que a resposta é simples: os sinais simbolizam o tipo de tecnologia que está sendo empregada naquele momento, bem como a oscilação da velocidade de conexão.

A diferença entre E, G, H, H+, 3G , 4G e 5G

G - GPRS

A letra G representa a tecnologia GPRS (General Packet Radio Service) que começou a ser usada em 2000. Ela pode gerar dados com velocidade de até 171,2 Kb/s (kilobits por segundo). Ao ser implantada com uma rede 2G, acaba por formar uma rede "2,5 G". A internet desse padrão costuma ser bastante lenta. No Brasil, ela ainda costuma ser encontrada.

E - EDGE

A letra E simboliza a tecnologia EDGE (Enhanced Data Rates for GSM Evolution), sendo uma tecnóloga 3G. Tal tecnologia é um pouco mais veloz que a anterior, representada pela letra G. Ela pode atingir a velocidade máxima de 473,6 Kb/s.

H - HSPDA

A letra H faz referência a tecnologia HSPA (High Speed Packet Access) ou o padrão HSDPA (High Speed Downlink Packet Access). Esta conexão atinge uma velocidade considerada alta, de até 14 Mb/s (megabits por segundo).

H+ - HSPDA+

O símbolo H+ indica a tecnologia chamada Evolved HSPA (HSPA Evoluído). Esta pode chegar a velocidades de até 168 Mb/s para download e 22 Mb/s para upload;

O que significa as letras E, G, H, H+, 3G , 4G e 5G na conexão com internet móvel

A sigla 3G faz referências às tecnologias móveis de terceira geração. Os padrões como HSPA e HSPA+ costumam ser chamados de 3G, no entanto, não são. Quando a sigla 3G aparece em um aparelho, no geral faz referência à tecnologia UMTS (Universal Mobile Telecommunications Service), que pode atingir velocidades de até 2 Mb/s.

4G / LTE

Chamada de quarta geração da internet móvel, a 4G é sucessora da 3G. Entre as diferenças, a principal delas está justamente na velocidade de conexão e no carregamento de dados. A conexão 4G poderá ser aproximadamente 10 vezes mais veloz que a de terceira geração, ou seja, a 3G.

Long Term Evolutionou simplesmente LTE, a tecnologia de quarta geração móvel  de transmissão de dados que foi desenvolvida com base no GSM e WCDMA. Como característica, a tecnologia prioriza o tráfego de dados em vez do tráfego de voz, como acontecia em gerações anteriores. 

5G

Nomeada de quinta geração de internet móvel, a expectativa é que a rede 5G seja 50 vezes maior que a velocidade da rede 4G. Em alguns países do mundo a tecnologia já vem sendo implantada, sendo que alguns smartphones equipados com o suporte já foram apresentados ao público.

6G

A rede 5G não foi ainda implantada no mundo todo, mesmo assim, já está em pauta o tema 6G. A expectativa é de que as redes de sexta geração tenham velocidades de até 1 Tb/s (terabit por segundo), banda ainda indisponível mesmo em conexões residenciais e cabeadas. Essa rede não deve ser implantada de modo geral antes de 2030.

Compartilhe com seus amigos:
Rafaela Pozzebom
Rafaela Pozzebom Graduada em Letras pela UFSM e especialista em Tecnologias da Informação e da Comunicação aplicadas à educação
FACEBOOK //
Quer conversar com o(a) Rafaela, comente:
Carregar comentários
Quantos celulares a Motorola tem em linha?
5(14,59%)
10(58,94%)
15(11,26%)
20(7,42%)
26(7,79%)