A importância da segurança da informação

200 15 comentário(s) Ademilson Moreira

Vivemos em um mundo globalizado, com o espaço geográfico fragmentado, porém fortemente articulado pelas redes, onde a informação, independente do seu formato.

É um dos maiores patrimônios de uma organização moderna, sendo vital para quaisquer níveis hierárquicos e dentro de qualquer instituição que deseja manter-se competitiva no mercado. Considerada um ativo importantíssimo para a realização do negócio a informação deve ser protegida e gerenciada. 

Nos últimos anos as tecnologias de informação e comunicação têm evoluído de forma rápida, fazendo com que as organizações tenham maior eficiência e rapidez nas tomadas de decisão, devido a este fato as chances de uma empresa não usar sistemas de informação tornou-se praticamente nula. Neste contexto a importância de se utilizar mecanismos de segurança e de armazenamento das informações é vital para a sobrevivência e competitividade destas organizações.

No passado a questão segurança da informação era muito mais simples, pois os arquivos contendo inúmeros papéis podiam ser trancados fisicamente, porém com a chegada das tecnologias da informação e comunicação a questão ficou bem mais complexa, hoje a maioria dos computadores conecta-se a internet e consequentemente a internet conecta-se a eles, além disto, sabemos que dados em formato digital são portáteis, este fato fez que estes ativos tornassem atrativos para ladrões. Mas isto não é tudo, existem inúmeras situações de insegurança que podem afetar os sistemas de informação como incêndios, alagamentos, problemas elétricos, poeira, fraudes, uso inadequado dos sistemas, engenharia social, guerras, sequestros, etc. 

Portanto podemos dizer que não existe segurança absoluta, torna-se necessário agirmos no sentido de descobrir quais são os pontos vulneráveis e a partir daí avaliar os riscos e impactos, e rapidamente providenciar para que a segurança da informação seja eficaz. 

Infelizmente o que vemos na prática é que muitas empresas não dão o devido valor a esta questão e por muitas vezes o preço é muito alto, portanto o melhor caminho é reduzir ao máximo quaisquer riscos às informações, seguindo um trajeto no sentido único de manter a integridade e a disponibilidade dos sistemas de informação. Para se implantar uma eficaz segurança da informação dentro de uma organização devemos ficar atentos para algumas questões como uma boa análise de riscos, a definição da Política de Segurança e por fim um plano de contingência. 

A análise de riscos basicamente visa a identificação dos pontos de riscos que a que a informação está exposta, identificando desta maneira quais os pontos que necessitam de maior empenho em proteção. A política de segurança da informação é a formalização explícita de quais ações serão realizadas em um sentido único de garantir a segurança e disponibilidade dos mesmos, esta política é de extrema importância uma vez que descreve as regras necessárias para o uso seguro dos sistemas de informação. Os planos de contingência também possuem papel fundamental, pois descrevem o que deve ser feito em caso de problemas com as informações. 

Nota-se que normalmente as pessoas são o elo mais frágil quando o assunto é segurança da informação, as soluções técnicas não contemplam totalmente sua segurança, desta forma torna-se necessário que os conceitos pertinentes a segurança sejam compreendidos e seguidos por todos dentro da organização, inclusive sem distinção de níveis hierárquicos. 

Uma vez identificados quais os riscos que as informações estão expostas deve-se imediatamente iniciar um processo de segurança física e lógica, com o intuito de alcançar um nível aceitável de segurança. Quando falo em nível aceitável de segurança, me refiro ao ponto em que todas as informações devam estar guardadas de forma segura. Não podemos deixar de lembrar de casos em que senhas e outros dados pessoais de usuários de algum sistema acabam sendo expostos na web. Quem é o culpado de tudo isso? A resposta é simples: a empresa ao qual os usuários depositavam a sua confiança.

Atualmente, com o grande número de vírus e outros mecanismos de captação de informações via internet, as empresas ou mesmo os detentores de informações importantes, precisam estar atentos para qualquer abertura que possa deixar o sistema vulnerável.  Assim sendo, do mesmo modo que uma empresa precisa oferecer qualidade nos serviços, precisa também se adequar as necessidades de segurança, para que, no futuro, não venha sofrer com os próprios erros, no caso, não defender tecnologicamente o seu patrimônio.

Recomendamos para você
 

Comentários
Compartilhe com seus amigos:
Novidades
Compartilhe com seus amigos:
últimos reviews
  • 8,1
    Review Zenfone 5
    Tela de 5 polegadas, câmera de foto e vídeo superiores aos concorrentes, boa usabilidade e preço baixo. A Asus acertou n...
  • 6,4
    Review Nokia Lumia 635
    Testamos hoje o Smartphone Nokia Lumia 635. Confira abaixo o que achamos.
  • 8,1
    Review Samsung Galaxy S5
    O smarphone primogênito da família Galaxy é a evolução de seus descendentes, evolução porque não há grandes novidades, m...



TOPO