10 filmes clássicos de drama disponíveis na Netflix

Seguindo nossa série de filmes antigos que se tornaram clássicos e que estão disponíveis na Netflix, nesta semana o gênero escolhido é drama. Confira!

Por | @oficinadanet Cinema

A indústria do cinema está em constante renovação e a cada ano uma avalanche de novos títulos são lançados. O que é bom, pois são novas histórias, roteiros que são aperfeiçoados e efeitos especiais capazes de surpreender até os mais céticos. No entanto, quem resiste a um bom filme antigo? Títulos feitos há duas, três décadas, encantam gerações e a prova disso é que muitos longas-metragens acabam ganhando remake.  Pensando nisso, o Oficina da Net fará um especial listando um Top10 de filmes antigos disponíveis na Netflix. A gente sabe que o serviço de streaming de vídeos se enquadra como o queridinho não só entre os brasileiros, mas no mundo todo e que há uma variedade imensa de sucessos disponíveis no catálogo.

Para não perder mais tempo procurando, o Top10 irá te ajudar com uma lista de sugestões de filmes antigos que merecem ser assistidos. A cada semana uma postagem falará sobre um gênero em específico. Já listamos filmes de Romance, Terror e Comédia. Nesta semana é a vez do Drama entrar em ação. Confira a nossa lista:

Clube da Luta (1999)

Quando o jovem Jack (Edward Norton), insatisfeito com sua vida, começa a sofrer de insônia, seu médico recusa-se a lhe prescrever medicação e aconselha-o a frequentar grupos de auto-ajuda. Jack acaba entrando para um grupo secreto que se encontra para extravasar suas angústias e tensões através de violentos combates corporais.

A Lista de Schindler (1993)

Sucesso de bilheteria, recipiente de sete Óscars e eleito o oitavo melhor filme amerciano da história, pelo American Film Institute, A Lista de Schindler é sobre um empresário alemão, Oskar Schindler, que salvou a vida de mais de mil judeus durante o Holocausto ao empregá-los em sua fábrica. Além de um filme emocionante, é também uma aula de história.

Rocky -  Um Lutador (1976)

Com a admirável atuação de Sylvester Stallone, Rocky - Um Lutador, é o primeiro filme que consagrou o personagem Rocky Balboa. Além deste, outros seis longas-metragens foram gravados, contando os desafios do boxeador. O último deles, Creed, foi filmado e gravado em 2015, mudando um pouco o foco do personagem principal. Rocky Balboa é um pequeno lutador de boxe que tem a chance de enfrentar o campeão mundial dos pesos- pesados. A ideia da luta foi um golpe publicitário, mas Rocky decide treinar duro, sonhando apenas em terminar a luta sem ser nocauteado pelo campeão.

Leia também: Lançamentos e novidades Netflix da semana (24/03-31/03)

Garota, interrompida (1999)

Em 1967, a adolescente, Susanna Kaysen (Winona Ryder), é diagnosticada com "Ordem Incerta de Personalidade" e é internada em um hospital psiquiátrico. Lá, ela é apresentada há um novo mundo, repleto de jovens garotas sedutoras e transtornadas. Entre elas está Lisa (Angelina Jolie), uma charmosa sociopata que organiza uma fuga.

Os Outros (2000)

Além de ser um drama, este filme também se enquadra no gênero terror. Grace Stewart é uma mãe devota que vive com seus dois filhos pequenos em uma mansão no campo, enquanto espera seu marido voltar da guerra. As crianças possuem uma doença rara, na qual não podem se expor ao sol e em virtude disso a família costuma seguir certas regras complexas para protegê-las da exposição acidental à luz solar. Mas a chegada de empregados na casa desencadeia uma série de eventos estranhos.

O Poderoso Chefão (1972)

Indicado a 10 Óscars, vencendo nas categorias Melhor Filme, Melhor Roteiro Adapatado e Melhor Ator, este longa é apontado como melhor filme de gângster de todos os tempos. O filme conta a história da família mafiosa Corleone e ganhou duas sequências: O Poderoso Chefão Parte II e o Poderoso Chefão Parte III. O sucesso foi tanto, que Marlon Brando ficou alcunhado para sempre ao nome de Poderoso Chefão.

Amnésia (2000)

Este filme é apresentado em duas sequências diferentes de cenas. Onde uma série em preto e branco é mostrada cronologicamente e uma série de cenas coloridas é mostrada em ordem reversa. Em outras palavras, o longa conta de trás para frente, a busca de um homem pelo assassino de sua esposa. Embora pareça confuso, este formato cai bem com a história do personagem principal, Leonard Shelby (Guy Pearce), que sofre de amnésia anterográda e como já dito, tenta encontrar o carrasco de sua mulher, mesmo sem conseguir guardar na memória fatos recentes. Este formato dá a sensação de amnésia também no telespectador, que fica preso a narrativa e é justamente isso que faz o longa-metragem passar de apenas um boa história, para genial.

Gênio Indomável (1997)

Em Boston, um jovem de 20 anos, (Matt Damon), é um rebelde com várias passagens pela Polícia, mas que também se revela um gênio em Matemática. Ele trabalha como servente em uma universidade e por determinação legal, é encaminhado à terapia. Porém nada funciona, pois o jovem debocha de todos os analistas, até se identificar com um deles.

Encontro Marcado (1998)

Encontro Marcado pode ser também enquadrado no gênero Romance, mas passa longe dos clichês. Isto porque a médica Susan (Claire Forlani) sente-se fortemente atraída por um recém-chegado Joe Black (Brad Pitt), porém, logo após eles se despedirem, ele morre em um acidente. Em seguida, a própria Morte decide por utilizar o corpo da vítima e vai falar com um magnata, dizendo que está ali para levá-lo. No entanto, o homem poderá viver por mais um tempo se ajudar a morte a conhecer melhor os hábitos humanos. Ironicamente, a filha do milionário é a jovem Susan. Para completar o enredo outra coisa inimaginável acontece: a Morte se apaixona pela filha do empresário.

Filadélfia (1993)

O filme retrata com bastante sensibilidade o terrível efeito social da AIDS, a questão do preconceito contra homossexuais ou portadores do vírus HIV, ao contar a história de Andrew Beckett, um advogado recém-formado que é contratado por uma grande empresa de advocacia, Filadélfia. Andrew tenta fugir do preconceito, escondendo sua sexualidade e estado de saúde, no entanto, quando ele adoece, confirma-se que o jovem é portador do vírus HIV.  Após a notícia se espalhar pela empresa, o profissional é despedido e então ele começa a sua luta por provar na justiça que o motivo de sua demissão foi única e exclusivamente por ele ser homossexual e portador do vírus da AIDS.

E você, já assistiu algum destes filmes? Tem algum preferido? Conte para gente nos comentários!

Mais sobre: filmes, clássicos, Netflix
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.