Investimentos do 4G podem frear melhorias do 3G

Os investimentos depositados pelas grandes companhias de comunicações para a implantação do 4G nas cidades da Copa do Mundo, podem estar refreando a melhoria no setor de 3G.

Por | @marciobohrer Smartphones

A Copa do Mundo está realmente movimentando intensamente os setores de infraestrutura e tecnologia de comunicações no Brasil. A implantação do sistema de internet 4G – mais rápida do mercado – nas cidades sede da Copa do Mundo do ano que vem, está mobilizando as grandes empresas engajadas nesta questão, por conta dos investimentos feitos para atender às metas estabelecidas pelo Governo Federal.

Tendo que trabalhar em duas tecnologias ao mesmo tempo, as empresas estão focando seus esforços milionários, na implantação das redes 4G, prática esta que inclusive já começou ao final do mês de abril. Com isto, as melhorias na área do 3G – que atende mais de 3.400 cidades no Brasil, cuja fatia representa certa de 70 milhões de usuários – está em “banho-maria”.

Empresas como Nokia Siemens e Ericsson disseram à Reuters que a procura por demandas na área de 3G – o qual juntas mantém uma porção de 70% das estações de rádio base – tem sofrido declive de janeiro à março, muito em função do envolvimento com o 4G.

Leia também:

Investimentos do 4G podem frear melhorias do 3G

Segundo especialistas o problema não está só nas redes 3G, mas também no congestionamento da rede e na cobertura. Estes são as reclamações mais constantes enviadas por usuários e institutos de defesa do consumidor.

O 4G é ruim então?

A vinda do 4G ao Brasil é importante para o crescimento do país frente o grupo de países de primeiro mundo, neste caso envolvendo avanços tecnológicos de comunicações. Também pode-se dizer que com o 4G, a superpopulação do 3G pode se receber um refrigério e assim manter amigáveis relações entre as gerações de internet móveis.

O lado ruim de tudo isto é que, como já citado acima, as empresas estão dividindo seus investimentos entre as tecnologias e pendendo para o lado do irmão mais novo, o 4G.

De qualquer forma, vamos crer para ver se o Brasil consegue rodar 4G sem esquecer do 3G.

Fonte: INFO

Mais sobre: 4g 3g internet movel
Share Tweet
Recomendado
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo