A Foxconn adiou a produção da primeira série de tablets brasileiros da Apple. De acordo com o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, a produção que teria início no mês de Julho, foi adiado para o mês de Setembro.

Conforme publicação feita à agência Estado, Mercadante acredita que o maior motivo para o adiamento da produção dos tablets, seja a falta de infraestrutura no centro de produção da Foxconn em Jundiaí, sendo que a prefeitura do município ficou responsável pela construção da pavimentação ao redor da indústria e ainda não conseguiu concluir a alça de acesso para que a companhia pudesse escoar a produção.

Mercadante ainda falou que, "a empresa atrasou a contratação de engenheiros brasileiros para irem fazer uma experiência na fábrica chinesa", sendo esse mais um dos motivos para o adiamento da produção.