A Terceira Geração - 3G

A Terceira Geração (3G) de celulares capacita aos aparelhos, além das funcionalidades anteriores altas taxas de transmissão de dados e multimídia a picos de 140 Kbps, 400 Kpbs e 2Mbps de acesso por comunicações UMTS (Universal Mobile Telecommunications System), HSDPA (High Speed Downlink Packet Access), HSUPA (High-Speed Uplink Packet Access) e WCDMA (Wideband Code Division Multiple Access) com suas variantes.

Por | @oficinadanet Smartphones
A Terceira Geração (3G) de celulares capacita aos aparelhos, além das funcionalidades anteriores altas taxas de transmissão de dados e multimídia a picos de 140 Kbps, 400 Kpbs e 2Mbps de acesso por comunicações UMTS (Universal Mobile Telecommunications System), HSDPA (High Speed Downlink Packet Access), HSUPA (High-Speed Uplink Packet Access) e WCDMA (Wideband Code Division Multiple Access) com suas variantes.

A 3G, Terceira Geração de Celulares, já é real em várias partes do mundo e agora também no Brasil, suporta serviços de alta capacidades, permite acesso a internet, alta taxa de transmissão de dados, permite assistir TV no aparelho celular, fazer uso de jogos 3D com múltiplos jogadores, utilizar ferramentas de busca, serviços de localização, de teleconferência, tornando o celular uma estação móvel de entretenimento.

Há duas modalidades de comunicação utilizada pela tecnologia 3G de telefonia móvel conhecidas como TDD (Time Divisor Duplex) e FDD (Frequency Divisor Duplex) TDD é um método semelhante ao funcionamento do TDMA, onde as transmissões do uplink e do downlink são carregados na mesma faixa de freqüência, usando intervalos sincronizados dos períodos. Assim os intervalos do tempo são divididos tanto na transmissão quanto na recepção.

FDD é um método semelhante ao funcionamento do AMPS, onde as transmissões do uplink e do downlink empregam duas faixas de freqüência distintas e especificados é atribuído para uma única conexão. Devido a ambas modalidades de comunicação integrarem os aparelhos de comunicação 3G, quando o aparelho migrar uma posição geográfica onde seja adotado uma modalidade disponível diferente, permite a realocação automática do modulo de transmissão, fazendo uso do spectrum disponível de forma eficiente e sem incompatibilidade.

Os serviços da terceira geração de celulares podem operar tanto nas freqüências que as operadoras de celulares já possuem (como em 800 MHz e 1800MHz), como em freqüências destinadas especificamente para operações da tecnologia 3G (2.1 GHz).

O Brasil desde 2004 dispõe da tecnologia 3G, que tem como taxas de pico de transmissão de dados 2,4 Mbps (CDMA2000). Estima-se que as taxas de pico da terceira geração de telefonia móvel podem chegar de 1,8 Mbps a 7,2Mbps (HSDPA) dependendo da versão implementada.

Texto escrito por: Dean Piva, Mauricio Teixeira, Rodrigo Beloni, Thiago Capuano.
Complexo de Faculdades Meridional – IMED
Faculdade de Sistemas de Informação – Passo Fundo - RS

Mais sobre: 3g celulares mobile
Share Tweet
Comentários
Carregar comentários
Destaquesver tudo
  • ASSINE NOSSA NEWSLETTER

    As melhores publicações no
    seu e-mail

  • Preencha para confirmar