ASP - ACTIVE SERVER PAGES - Saiba o que é

ASP é uma tecnologia desenvolvida pela Microsoft que disponibiliza um conjunto de componentes para o desenvolvimento de páginas Web dinâmicas. Tais páginas consistem em arquivos de extensão .asp no formato texto (ASCII) que contêm combinações de scripts e tags HTML.

Por | @DanielPaulinoS Programação
ASP é uma tecnologia desenvolvida pela Microsoft que disponibiliza um conjunto de componentes para o desenvolvimento de páginas Web dinâmicas. Tais páginas consistem em arquivos de extensão .asp no formato texto (ASCII) que contêm combinações de scripts e tags HTML.

Um servidor Web que suporta ASP funciona da seguinte forma:
  • Cliente solicita página *.asp;
  • Servidor abre a página e lê seu conteúdo:
    • Se encontra tags HTML, envia direto ao cliente;
    • Se encontra comandos de script:
      • Pára o envio;
      • Processa os comandos;
      • Envia o resultado HTML ao cliente.


Como todo código de programação existente em páginas ASP é executado no servidor, e este só retorna ao cliente respostas em HTML, aplicações ASP têm seu código fonte totalmente preservado, além de poderem ser acessadas por qualquer tipo de browser existente no mercado. Entre os recursos que podem ser implementados com ASP, podemos citar:

  • Programação com Visual Basic Script e Java Script;
  • Acesso a banco de dados;
  • Envio de e-mail.


Para utilizar ASP, o computador que a hospeda as páginas (Web Server) deve possuir como sistema operacional o Windows NT Server 4.0 (ou superior) com o Internet Information Server 3.0 (ou superior) O IIS é um programa servidor Web da Microsoft. Se as páginas utilizarem recursos de acesso a banco de dados, será necessário um driver de ODBC instalado e funcionando no servidor.

O ASP também “funciona” com o MS Personal Web Server (PWS), para Windows NT WorkStation e para Windows 9x, muito embora essa não seja a plataforma mais recomendada. Para as plataformas Unix / Linux, já existem módulos no mercado que garantem o suporte a ASP.

Rotinas de Script em ASP


Script é um programa escrito numa determinada linguagem de programação que não necessita ser compilado para ser posteriormente executado. Scripts são interpretados, ou seja, seus comandos são lidos em tempo de execução por um Script Engine, processados e seus resultados passados para a saída padrão da aplicação (monitor de vídeo, impressora, servidor Web,…)

Toda a funcionalidade de uma página ASP é controlada através de comandos de Script. Teoricamente, o ASP pode utilizar qualquer Script Engine (interpretador), mas na prática, a Microsoft só disponibiliza dois:

  • Visual Basic Script (VBScript) – default
  • MS Java Script(JScript)


Ao escrevemos páginas *.ASP, a primeira coisa que devemos fazer é indicar em qual dessas linguagens disponíveis elas serão escritas:
<% @ LANGUAGE = VBScript %>
ou


Como um Web browser reconhece um script? Ao encontrar na página *.ASP a tag <% ou existem comandos de script a serem executados. É importante observar que o Web Server só tentará interpretar uma página se a mesma estiver salva com a extensão .asp, caso contrário, o servidor Web enviará a página como se fosse um arquivo de texto normal. Logo, não adianta criar scripts altamente eficientes e esquecer de salvar corretamente o arquivo.

Exemplo 1:
Página – now.asp – que retorna a data e a hora atual do servidor Web:
<% @ LANGUAGE=VBSCRIPT %>
ASP – curso básico

<%=NOW%>


Variáveis em ASP


São identificadores alfanuméricos que “apontam” para posições de memória onde existem valores armazenados temporariamente, sendo que estes podem ser alterados durante o processamento de uma aplicação. Não nos interessa saber como esse valor será armazenado na memória, nem onde. Basta apenas sabermos o nome e o tipo do valor armazenado em tal variável.

Em VBScript os nomes de variáveis devem começar obrigatoriamente com uma letra e não podem exceder 255 caracteres. Ao contrário da maioria das linguagens de programação, uma variável do VBScript não necessita ser declarada antes de ser utilizada. Entretanto, scripts com declarações implícitas de variáveis são mais difíceis de ser entendidos, além de estarem mais vulneráveis a erros de digitação.

Exemplo 2: var.asp:
<% @ LANGUAGE=VBSCRIPT %>
<% Option Explicit %>
Curso ASP

<% Dim v1
v1 = 100
v2 = 200
v3 = 300 %>
V1=<%=v1%>

V2=<%=v2%>

V3=<%=v3%>


Obs.: O “tempo de vida” de uma variável vai desde sua declaração explícita (Dim) ou implícita (sem Dim) até o final do script ou sub-rotina.

ASP + Visual Basic Script (VBSCRIPT)


VBScript é uma linguagem criada a partir do Visual Basic, mas com algumas limitações por motivos de segurança, além de ser interpretada e não compilada. Permite a manipulação de strings, datas, numéricos e objetos Active X do servidor.

Sendo a linguagem de script mais utilizada para desenvolvimento de páginas ASP, é de fundamental importância conhecer seus principais comandos. Quando a página ASP encontra um erro, o mesmo é bem ilustrado no browser, facilitando bastante o trabalho de depuração para os programadores ASP.

Regra 1: VBScript só aceita um comando por linha:
correção: separar os comandos por : (dois pontos).

Exemplo 3: linha1.asp:
<% @ LANGUAGE=VBSCRIPT %>
ASP – curso básico

<% a = 2 b = a*2 %>
<% a = 2 : b = a*2 %>
Valor de B = <%=b%>


Regra2: um comando não pode existir em mais de uma linha:
correção: colocar o comando numa única linha ou usar o caractere _ (underline).

Exemplo 4: linha2.asp:
<% @ LANGUAGE=VBSCRIPT %>
ASP – curso básico

<% texto = “Daniel” +
“Ceara”%>
<% texto = “Daniel” + _
“Ceara”%>
<% texto = “Daniel” + “Ceara”%>
Nome = <%=texto%>


Mais sobre: asp, variáveis, o que é asp
Share Tweet
DESTAQUESRecomendadoMais compartilhados
Comentários
AINDA NÃO SE INSCREVEU?

Vem ver os vídeos legais que
estamos produzindo no Youtube.